ATENÇÃO CRISTÃOS E NÃO CRISTÃOS.

SATANÁS JÁ DETEM 90% DAS AÇÕES.

FILME - PEDRO DUAL AUDIO - ON LINE


Sinopse:História bíblica que envolve boas interpretações e contextualiza todo cenário, não só religioso, mas também político da época em que se passa.
O ator Omar Sharif (de Uma Amizade Sem Fronteiras) vive Pedro simples pescador que se tornou um dos pelares do cristianismo.
A produção conta seu drama ao tentar divulgar o cristianismo por todo Império romano, além de retratar a sua forte amizade com São Paulo.
Juntos, os dois homens tornam se santos e ajudaram a mudar a historia da humanidade ao divulgarem a religião mais popular de todos os tempos numa época em que Roma já enfrentava a crise.

INFORMAÇÕES DESTE FILME:
Tamanho: 896 Mb
Áudio: Portugues – Inglês
Formato: Avi
Qualidade: DvDrip
Gênero: Biblico
Ano de Lançamento: 2005


ONLINE

BAIXAR


A BANALIZAÇÃO DA CRUZ DE CRISTO E A FORMA SUPERFICIAL DE TRATAR ESTE TEMA.

BANALIZAÇÃO DA CRUZ DE CRISTO E A FORMA SUPERFICIAL DE TRATAR ESTE TEMA.

Embora o cristianismo genuíno esteja perdendo espaço para a crescente apostasia na igreja cristã e para as religiões pagãs, a cruz de Jesus Cristo triunfará no final! O livro do profeta Daniel e o Apocalipse nos asseguram isso.

Nossa sociedade parece dilacerada por uma misteriosa relação de amor e ódio pela cruz. A mídia a ridiculariza. Os burocratas e políticos liberais a temem. Os administradores das bibliotecas públicas a rejeitam. Inúmeros professores progressistas a censuram. No entanto, os cristãos continuam usando o símbolo da cruz.

Banalizar a cruz, redefinir as palavras, afastar os símbolos cristãos de seus significados bíblicos... Todas essas táticas aceleram a atual mudança cultural e encaixam-se na visão de um novo tipo de mundo - um mundo "livre" da fidelidade à verdade imutável de Deus.

Uma cruz desprovida de sentido cristão não incomoda a ninguém. Entretanto, a cruz usada por um seguidor de Cristo envia uma mensagem que muitos se recusam a tolerar. Ameaçado por convicções contrárias, o mundo exige uma conformidade que afirme seus valores, não os valores de Deus. O mundo quer aprovação, não verdades.

E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más." [João 3.19].

Mas aqueles que amam a Deus e que estão "crucificados com Cristo", repletos de sua vida e caminhando em sua luz - não podem aprovar tais trevas. Eles estão no mundo, mas não são do mundo. Eles podem disseminar o amor de Deus, mas não podem amar o que Deus proíbe. Eles são "cidadãos do céu", e seus olhos estão fixos na eternidade. Assim, o mundo os chama de extremistas, pois não os compreende.

Lembre-se do que Jesus Cristo disse: "Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós... porque não conhecem aquele que me enviou." [João 15.20,21].

Em tempos difíceis, a vitória da cruz pode parecer qualquer coisa, menos triunfante. Os discípulos de Jesus experimentaram isso muito bem. Com o coração partido, assistiram à torturante crucificação. Por três dias, conviveram com a dúvida e o desespero. Eles ainda não sabiam que a prometida ressurreição venceria a morte e o sepulcro.

Sabemos que ela venceu! E fazemos bem ao lembrarmos que o caminho da cruz traz dor e também alegria. O caminho ascendente de Deus pode levar primeiro para baixo; seu chamado à vitória pode, no início, parecer uma derrota; e seu chamado para a união com Cristo significa a separação dos caminhos e dos valores do mundo - uma separação que enfurece os engenheiros sociais ao longo dos séculos.

Entretanto, a hostilidade do mundo pouco importa para os verdadeiros amigos de Deus. Eles conhecem as riquezas dos dons eternos dados por meio da cruz - a redenção, o perdão, a libertação do jugo do pecado, o Espírito Santo no coração, uma nova identidade e a força diária necessária para triunfar em Cristo.

Por haver tomado seu lugar com Cristo, Paulo enfrentou ódio, perseguição, espancamentos, apedrejamento, aprisionamento, fome e, por fim, o martírio. Entretanto, o sofrimento por Cristo não sufocou sua alegria. Ele calculou o preço e recebeu algo infinitamente maior do que todos os invejados tesouros e emoções do mundo - a comunhão com Jesus Cristo, o Senhor de tudo, agora e para sempre.

"Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia. Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui excelente; não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas." [2 Coríntios 4.16-18]

Via Espada do Espírito A-BD

DEUS E DIGNO DE TODO O LOUVOR .

HISTÓRIA SOBRE A PARABOLA DO FILHO PRODIGO

VESTIDO COMO OVELHAS‏

Vestido Como Ovelhas
O cristão sincero e verdadeiro precisa estar sempre bem informado de que pode haver no meio da Igreja obreiros corrompidos e distanciados da verdade, como os mestres da lei de Deus, nos dias em que o Senhor Jesus esteve aqui. Aliás, Ele mesmo adverte que nem toda pessoa que professa Seu nome é um cristão verdadeiro. O fato é que nos dias atuais nem todo cantor ou escritor evangélico, missionário, pastor, reverendo, apóstolo, bispo, evangelista, presbítero, diácono e outros obreiros são aquilo que dizem ser. --//-- Esses tais obreiros que "exteriormente parecem justos aos homens" sempre aparecem em nosso meio "vestidos como ovelhas". Eles podem até mesmo ter uma mensagem com base na Bíblia e expor altos padrões de retidão. Podem parecer sinceramente empenhados na obra de Deus e no seu reino, e demonstrar grande interesse pela salvação dos perdidos e professar amor a todas as pessoas. Parecerão ser grandes ministros de Deus, líderes espirituais de renome, ungidos pelo Espírito Santo. Poderão realizar milagres, ter grande sucesso e multidões de seguidores.
--//--
No entanto, esses homens "ungidos" são semelhantes aos falsos profetas dos tempos antigos, e aos fariseus no Novo Testamento. Longe das multidões, na sua vida em particular, os fariseus entregavam-se "à rapina e iniquidade" e eram "cheios de ossos mortos e de toda imundície" e de toda hipocrisia. Sua vida na intimidade é marcada por cobiça carnal, imoralidade, adultério, ganância e satisfação dos seus desejos egoístas. Será que tem gente assim? Vamos acordar, povo de Deus! --//--
Esses impostores sempre conseguem uma posição de influência na igreja (e no mundo). Alguns falsos mestres e pregadores iniciam seu ministério com sinceridade, veracidade, pureza e genuína fé em Jesus. Mais tarde, por causa de seu orgulho e desejos imorais, sua dedicação pessoal e amor a Cristo desaparecem lentamente. Em decorrência disso, apartam-se do reino de Deus e se tornam instrumentos de Satanás, disfarçados em ministros de justiça.
--//--
Outros falsos mestres e pregadores nunca foram cristãos verdadeiros. A serviço de Satanás, eles estão na igreja desde o início de suas atividades e gostam de aparecer. Satanás tira partido da sua habilidade e influência e promove o seu sucesso. A estratégia do inimigo é colocá-los em posições de influência para minarem a autêntica obra de Cristo. Se forem descobertos e desmascarados, Satanás sabe que grandes danos ao Evangelho advirão disso e que o nome de Cristo será menosprezado publicamente.
--//--
Não estamos aqui querendo assustar ninguém. O problema é que nós crentes somos tidos por "bestas" que confiam em todo mundo e em tudo que nos falam. Precisamos apenas vigiar e conhecer a Bíblia. Bem nos avisou o Senhor que "os filhos deste mundo são mais prudentes na sua geração do que os filhos da luz" (Lucas 16.8). Por isso devemos ser "prudentes como as serpentes e simples como as pombas" (Mateus 10.16).
--//--
Como, então, conhecer esses falsos mestres? Discernindo o caráter da pessoa; saber se essa pessoa tem uma vida de oração perseverante e manifesta uma sincera devoção a Deus, se manifesta o fruto do Espírito, se ama mesmo os pecadores, se detesta o mal e ama a justiça e fala contra o pecado; se honra a Cristo; se conduz a igreja à santificação; se leva os perdidos a Jesus; se proclama e defende o evangelho de Cristo e dos seus apóstolos.
--//--
Enfim, devemos observar os frutos da vida e da mensagem dessa pessoa. Os frutos dos falsos pregadores comumente consistem em seguidores que não obedecem a toda a Bíblia. Por isso devemos discernir até que ponto a pessoa se baseia nas Escrituras. Este é um ponto fundamental. Essa pessoa crê e ensina que os escritos originais do Antigo e Novo Testamento são plenamente inspirados por Deus, e que devemos observar todos os seus ensinos? Caso contrário, podemos estar certos de que tal pessoa e sua mensagem não provêm de Deus.
--//--
E, finalmente, devemos verificar a integridade da pessoa quanto ao dinheiro do Senhor. Essa pessoa recusa grandes somas para si mesma, administra todos os assuntos financeiros com integridade e responsabilidade, e procura realizar a obra de Deus conforme os padrões do Novo Testamento para obreiros cristãos? Ou tem muitas mansões, carros importados, aviões e iates, e milhões em ações e contas nos maiores bancos?
--//--
O fato é que apesar de tudo o que o cristão fiel venha a fazer para avaliar a vida e o trabalho de tais pessoas, até que Jesus volte, não deixará de haver falsos mestres na Igreja, os quais, com a ajuda de Satanás, ocultam-se até que Deus os desmascare e revele aquilo que realmente são. Deus nos guarde dos tais! Autor: Adail Campelo

SOLO CRISTO.

ROSAS MARAVILHOSAS, CRIAÇÃO DIVINA.

DOCUMENTÁRIO ILLUMINATI

SETENTA VEZES SEMPRE.

Setenta Vezes Sempre "Então Pedro, aproximando-se dele, disse: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu lhe perdoarei? Até sete? Jesus lhe disse: Não te digo que até sete; mas, até setenta vezes sete." Mateus 18.21, 22 Qual o valor do perdão? Antes de aplicar esse texto, vamos fazer uma trajetória da vida do Apóstolo Pedro no ministério de Jesus, pois é justamente daí que vamos entender o valor do perdão. Fazendo um passeio nos evangelhos, vemos que o apóstolo Pedro sempre se mostrou impulsivo diante da novidade da mensagem de Cristo e também foi o apóstolo que fez as maiores armações que conhecemos, como por exemplo: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna." E na mesma proporção em que afirmava coisas como estas, também pronunciava palavras que mostravam sua imaturidade diante do ministério de Cristo e do conhecimento do Reino e sua impulsividade o levou a afirmar ante a iminente prisão de Cristo que morreria com ele, mas nessa afirmativa, pronunciou a mais dura e cruel lição de sua vida, onde teve que aprender o que era realmente a natureza humana, a negação a Cristo, nessa negação Pedro se sente um traidor. Bom, voltemos ao perdão. Vemos no ministério de Cristo a desconstrução de afirmações que a cultura da época dava como correta, como por exemplo a lei de Talião que dizia que se alguém pecar contra você deveria receber na mesma moeda. ===================================//=============================== "Olho por olho, dente por dente, mão por mão, pé por pé" Exodo 21.24 E essa justiça é baseada na vingança, mas com Cristo a coisa é diferente, a filosofia é o amor e não há espaço para o ódio, mas somente para misericórdia e a paciência com o próximo. Assim, o Mestre desnudou a nossa natureza e nos mostrou que por mais que nos esforcemos não há como mudarmos, a não ser que haja algo maior que nos transforme e nos leve ao amadurecimento. Nisso mora o segredo de nascer de novo, viver um novo princípio que não é o seu, mas o de Deus. E durante 3 anos Cristo ensinou os seus amigos sobre esse segredo do Reino de Deus, que não era templo, nem lei, mas coração. No percurso da vida do Apóstolo Pedro, podemos compreender que para nascer de novo, por mais que Pedro fizesse belas afirmações, mas elas ainda não atingiram seu local de morada, o coração e com isso, movido pelo ódio, tirou a orelha de Malcon e por medo e vergonha negou a quem mais amava. A partir desses acontecimentos Pedro se reduz e não consegue mais se olhar no espelho pelo que fez e assim, ele descobre o quão ruim é a sua natureza, começa seu parto, durante os 3 dias em que Cristo adormece, o velho Pedro também, justamente para renascer com seu Mestre. Nesse renascer, Pedro descobre o caminho do descanso e do perdão, não só no sentido de ser um perdoador, mas principalmente o de ser perdoado e numa fogueira perto da praia, Pedro sente em seu Mestre não a repreensão, mas a magnitude de seu amor. ===================================//=============================== "E, depois de terem jantado, disse Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de Jonas, amas-me mais do que estes? E ele respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeiros. Tornou a dizer-lhe segunda vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Disse-lhe: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas. Disse-lhe terceira vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Simão entristeceu-se por lhe ter dito terceira vez: Amas-me? E disse-lhe: Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo. Jesus disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas. Na verdade, na verdade te digo que, quando eras mais moço, te cingias a ti mesmo, e andavas por onde querias; mas, quando já fores velho, estenderás as tuas mãos, e outro te cingirá, e te levará para onde tu não queiras. E disse isto, significando com que morte havia ele de glorificar a Deus. E, dito isto, disse-lhe: Segue-me." João 21.15-19 ==================================//================================ O caminho do perdão é necessário se quisermos seguir a Cristo, se nos denominarmos cristãos devemos nos assemelhar ao mestre e este mais do que ninguém se sentiu traido, pois fora aqueles que criou e amou, o levaram a morte tão cruel. Mas mesmo assim, orou por eles pedindo perdão. Seu principal ensinamento sobre oração colocou justamente nesse critério: "E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores" e esse perdão não é apenas da boca pra fora, mas vem direto do coração, um coração transformado perdoa. Todo esse caminho representa nossa trilha rumo ao destino que nos espera via o caminho estreito, que é árduo e nos conduz a um crescimento profundo, negando-se a cada dia e deixando que Cristo seja o guia e luz de nossas vidas. Devemos abrir mão de nosso direito de ter razão sobre tudo e sobre todos para poder deixar que o amor ao próximo seja a nossa verdadeira razão de existir, mesmo que diante de grande ódio e sentimento de injustiça Cristo nos ensina que devemos abrir mão desses sentimentos, para dar lugar a misericórdia e o amor e somente assim poderemos crescer no Reino dos Céus. Parafraseando um certo autor, a escolha do título Setenta vezes sempre é para mostrar que esse é a nosso destino para ser um discípulo de Cristo, lembra que o apóstolo Paulo afirma sobre o amor? ===================================//=============================== "A ninguém torneis mal por mal; procurai as coisas honestas, perante todos os homens. Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem." Romanos 12.17, 21 Esse é o caminho e só poderemos crescer no descanso de Deus quando tivermos ousadia por andar nele e ser reflexo desse ensinamento. Que Deus nos Abençoe. Autor: Pastor Wanderley Aulucci

Amor - Uma História sobre o verdadeiro amor‏

Um professor se encontrou com um grupo de jovens que falava contra o casamento. Argumentavam que o que mantém um casal é o romantismo, e que é preferível acabar com a relação quando este se apaga, em vez de se submeter à triste monotonia do matrimônio. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ O mestre disse que respeitava sua opinião mas lhes contou a seguinte história: "Meus pais viveram 55 anos casados. Numa manhã minha mãe descia as escadas para preparar o café e sofreu um enfarte. Meu pai correu até ela, levantou-a como pôde e quase se arrastando a levou até à caminhonete. Dirigiu a toda velocidade até o hospital, mas quando chegou, infelizmente ela já estava morta. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Durante o velório, meu pai não falou. Ficava o tempo todo olhando para o nada. Quase não chorou. Eu e meus irmãos tentamos, em vão, quebrar a nostalgia recordando momentos engraçados. Na hora do sepultamento, papai, já mais calmo, passou a mão sobre o caixão e falou com sentida emoção: — Meus filhos, foram 55 bons anos... ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ninguém pode falar do amor verdadeiro se não tem idéia do que é compartilhar a vida com alguém por tanto tempo. Fez uma pausa, enxugou as lágrimas e continuou: — Ela e eu estivemos juntos em muitas crises. Mudei de emprego, renovamos toda a mobília quando vendemos a casa e mudamos de cidade. Compartilhamos a alegria de ver nossos filhos concluírem a faculdade, choramos um ao lado do outro quando entes queridos partiam. Oramos juntos na sala de espera de alguns hospitais, nos apoiamos na hora da dor, trocamos abraços em cada Natal, e perdoamos nossos erros... ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Filhos, agora ela se foi, e estou contente. E vocês sabem por quê? Porque ela se foi antes de mim e não teve que viver a agonia e a dor de me enterrar, de ficar só depois da minha partida. Sou eu que vou passar por essa situação, e agradeço a Deus por isso. Eu a amo tanto que não gostaria que sofresse assim... Quando meu pai terminou de falar, meus irmãos e eu estávamos com os rostos cobertos de lágrimas. Nós o abraçamos e ele nos consolava, dizendo: 'Está tudo bem, meus filhos, podemos ir para casa." E, por fim, o professor concluiu: -Naquele dia entendi o que é o verdadeiro amor. Está muito além do romantismo, e não tem muito a ver com o erotismo, mas se vincula ao trabalho e ao cuidado a que se professam duas pessoas realmente comprometidas. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Quando o mestre terminou de falar, os jovens universitários não puderam argumentar. Pois esse tipo de amor era algo que não conheciam. O verdadeiro amor se revela nos pequenos gestos, dia-a-dia e por todos os dias. O verdadeiro amor não é egoísta, não é presunçoso, nem alimenta o desejo de posse sobre a pessoa amada. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado com certeza chegará mais longe!
Fonte: www.mensagemevangelica.com.br

A LOJA DE DEUS .

Entrei numa loja e ví um anjo no balcão. -Santo anjo do Senhor, o que vendes? Respondeu-me: -Todos os dons de Deus. -Custa muito caro? -Não, tudo é de graça. Contemplei a loja e vi vasos de vidro de fé, pacotes de esperança, caixinhas de felicidade e sabedoria. Tomei coragem e pedi: -Por favor, quero muito amor de Deus, todo o perdão dEle, vidros de fé, bastante alegria e felicidade eterna para mim e para minha família. Então, o anjo do senhor preparou um pequeno embrulho que cabia na minha mão. -É possível, tudo aqui? O anjo respondeu sorrindo: -Meu querido irmão, na loja de Deus não vendemos frutos, apenas sementes. Plante a sua e seja feliz.

AQUECIMENTO GLOBAL - EFEITO ESTUFA

TENHA CONSCIÊNCIA E FAÇA A TUA PARTE, O PLANETA AGRADECE.

LEÃO DA TRIBO DE JUDÁ.

“Todavia, um dos anciãos me disse: Não chores; eis que o Leão da Tribo de Judá, a Raiz de Davi, venceu para abrir o livro e os seus sete selos.” Apocalipse 5:5. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ E quem é o Leão de Judá? É Jesus! O leão é o símbolo da Tribo de Judá, um dos filhos de Israel, e sobre ele foi impetrada por seu pai uma bênção muito especial. Veja o que está escrito em Gênesis 49:8-12. Ele diz que os irmãos de Judá o louvarão e que a sua mão estará sobre os seus inimigos, isto é, ele será vitorioso sobre os seus inimigos e que o cetro, a autoridade, não se afastará dele e que a ele obedecerão os povos. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Vamos ver algumas características de um leão: O leão é forte, valente, corajoso e não se intimida diante do adversário. Você já viu na televisão alguma reportagem ou filme sobre leões? O que acontece quando ele ruge? Todos os animais que estão por perto ficam assustados, fogem precipitadamente. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ao seu rugido, o temor toma conta dos inimigos.O leão não permite que outro animal entre em seu território, ele não se deixa apanhar desprevenido, mas está sempre vigilante. Ele ruge para dizer ao invasor que aquele território tem dono, tem liderança, tem governo.Jesus é o Leão da Tribo de Judá, que venceu sobre o inimigo, foi morto na cruz, mas ressuscitou, derrotando a morte. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Você pode imaginar como o inferno se espantou quando Jesus, o Leão, rugiu poderosamente diante de Satanás, declarando a sua derrota? Na Sua ressusrreição, Jesus mostrou ao inimigo que Ele é a autoridade, dele é o Governo na terra e que Satanás já está derrotado, ele não tem lugar no território santo do Senhor. Com seu rugido, convoca todas as Nações a estarem a Seus pés, pois a Palavra diz que todas as nações virão e se renderão diante dele. Somos filhos do Leão de Judá, daquele que ressuscitou e vive para sempre. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Não podemos nos amedrontar diante do inimigo e nem permitir que ele entre no nosso território. E, sabe o que é melhor? Não precisamos mais chorar, pois o Leão venceu para que nós pudéssemos nos alegrar nEle.É tempo de celebrar! Aquele que vive e reina para todo o sempre nos convida a festejar com Ele. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Você não pode ficar de fora, pois o seu nome também foi escrito no livro da vida. O Leão Poderoso, Forte e Valente ruge hoje convocando você para se prostrar perante Ele e levantar incenso de louvor e adoração. E junto com você, todas as nações virão e se prostrarão diante da Sua majestade!! Post original de: http://jahguie.blogspot.com/

O ANO DA VITORIA.

O ANO DA VITÓRIA POR PR. EDEMAR V. SILVA

“Não que eu o tenha já recebido, ou tenha já obtido a perfeição; mas prossigo para conquistar aquilo para o que também fui conquistado por Cristo Jesus”.

“Irmão, quanto a mim, não julga havê-lo alcançado; mas uma cousa faz: esquecendo-me das cousas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.” Filipenses C.3 V: 12-14.

"Não sabeis vós que os que correm no estádio, todos na verdade correm, mas um só leva o prêmio? Correi de tal maneira que o alcanceis. Todo atleta em tudo se domina; aqueles, para alcançar uma coroa corruptível; nós, porém, a incorruptível. Assim corro também eu, não sem meta; assim luto, não como desferindo golpes no ar. Mas esmurro o meu corpo, e o reduzo a escravidão, para que, tendo pregado a outros, não venha eu mesmo a ser desqualificado" - I Coríntios C.9 V: 24-27.

INTRODUÇÃO

A chegada de um novo ano traz consigo muitas expectativas e esperanças...

As pessoas se cumprimentam desejando um feliz e PRÓSPERO ANO NOVO...

Todos querem ter um ano novo próspero, de vitória!

Qual deve ser o nosso posicionamento para que o Ano Novo seja o Ano da Bênção e da Vitória?

I - NÃO FICAR FOCALIZANDO APENAS O PASSADO

Não adianta querer viver hoje as glórias do passado...

Também não devemos ficar chorando o "leite derramado"...

Veja o que diz a Palavra do Senhor:

“Não que eu o tenha já recebido, ou tenha já obtido a perfeição; mas prossigo para conquistar aquilo para o que também fui conquistado por Cristo Jesus”.

“Irmãos, quanto a mim, não julgam havê-lo alcançado; mas umas cousas fazem: esquecendo-me das cousas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.” - Filipenses C: 3: V: 12-14.

Na passagem bíblica que registra a morte e a ressurreição de Lázaro (João 11:2-26; 32), nos versos 21 e 32, Marta e Maria falam o seguinte a Jesus: "Senhor, se estiveras aqui, não teria morrido meu irmão." - A fé delas, demonstrada aqui é imperfeita, porque lhes permite crer apenas acerca do passado...

Quantos ficam lamentando: "ah, se eu tivesse feito assim, e assim..."; "ah, se eu tivesse feito de outra forma...”.

Tem muita gente assim, que está atenta a atitude de Jesus, apenas em relação ao passado... "Ah, Senhor, se estiveras aqui, não teria morrido meu irmão..."; "ah, se Deus tivesse me ajudado..." - Querem culpar Deus pelos fracassos das suas vidas!

A nossa fé não deve manifestar-se apenas no momento em que avaliamos os fatos, ela deve ser exercida para nos fazer acreditar que o hoje será diferente, e o amanhã será ainda melhor!

II - É PARA FRENTE QUE SE ANDA!

"... e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus." - Filipenses C: 3 V: 12-14.

Em Isaias C: 43 V: 18 estão escrito: "Não considerei as coisas passadas.”.

Em Deuteronômio C: 17 V: 16 Deus diz: "Nunca mais voltareis por este caminho...”.

Tome cuidado, vigie, porque Satanás está sempre ao redor procurando nos induzir a olhar para o passado, a fim de impedir que cresçamos em fé, e confiemos em Deus acerca do presente e do futuro!

EXISTEM ESTRADAS:

a) DE MÃO DUPLA - Que se pode ir e vir...

b) DE MÃO ÚNICA - Que se deve apenas ir, nunca voltar! Se você volta por ela, estará vindo na contramão, correndo grande perigo de se acidentar!

ASSIM É A ESTRADA DA VIDA, DE MÃO ÚNICA!

O viver humano consiste em se percorrer a estrada que vai se abrindo diante de nós... Sempre para frente, sempre buscando o alvo, tendo sempre um propósito...

O caminho que fica para trás se fecha, não dá mais para ser percorrido!

Tentar voltar pelo caminho do tempo é querer fazer a contramão da história! Com certeza não dará certo, e haverá terríveis conseqüências! "Lembrai-vos da mulher de LO” (GN C: 19 V: 26 - LC C: 17 V: 32).

CORTE OS LAÇOS QUE LHE PRENDEM AO PASSADO!

Eliseu estava sendo chamado por Deus para ser Profeta; tinha diante de si um novo caminho a percorrer... Mas na sua mente ficava lembrando da junta de bois, recebida por herança de seu pai... Então, para não ser tentado a desistir e voltar atrás, foi até a casa paterna e queimou a sua junta de bois, e depois foi livremente servir ao Senhor! (I Rs C: 19 V: 19-21).

III - CORRER BEM, COM DETERMINAÇÃO E PROPÓSITO.

"Não sabeis vós que os que correm no estádio, todos na verdade correm, mas um só leva o prêmio? Correi de tal maneira que o alcanceis. Todo atleta em tudo se domina; aqueles, para alcançar uma coroa corruptível; nós, porém, a incorruptível. Assim corro também eu, não sem meta; assim luto, não como desferindo golpes no ar. Mas esmurro o meu corpo, e o reduzo a escravidão, para que, tendo pregado a outros, não venha eu mesmo a ser desqualificado" - I Coríntios C 9 V: 24-27.

Paulo recorre ao conhecimento que os seus leitores tinham dos Jogos Ístmicos, que se realizavam a cada 2 anos, próximo à cidade de Corinto, para fazer uma analogia entre as provas de atletismo olímpicas e a carreira da fé cristã.

Para ser vencedor o atleta precisa treinar diligentemente, e até mesmo se submeter a certos sacrifícios... Paulo diz: "esmurro o meu corpo, e o reduzo a escravidão"... Diz respeito à autodisciplina, a luta interior para superar as paixões e fraquezas carnais... Para se obter vitória, é preciso muita renúncia, autodisciplina, determinação... "Porque, se viverdes segundo a carne, caminha para a morte; mas, se pelo Espírito mortificardes os feitos do corpo, certamente vivereis." - Romanos C: 8 v: 13.

E também: "Assim corro também eu..." Temos que ter meta, propósito, objetivo na vida! Na corrida da vida, precisamos ter metas, saber antecipadamente aonde desejamos chegar, e lutar para alcançar o alvo estabelecido... Para que o seu ano novo seja o "Ano da Vitória", defina logo seus alvos, e inicie agora mesmo a sua caminhada!

O Apóstolo prossegue, dizendo: "não sem meta; assim luto, não como desferindo golpes no ar.”.

Lembre-se: Você precisa acertar o alvo! Então mire bem!

Quando um lutador de boxe desfere golpes no ar, perde muito! Gasta inutilmente energia preciosa que poderá lhe faltar durante a luta; se desequilibra, correndo o risco de ser atingido pelo adversário, e cair; deixa de atingir o alvo...

É PRECISO CORRER BEM, COM DETERMINAÇÃO E PROPÓSITO!

IV - NÃO SE LIGUE DEMAIS NO FUTURO, VIVA O PRESENTE!

Época de virada de ano é muito propícia a profetismos, e muitos ficam excessivamente preocupados com o futuro, desejando saber o que irá acontecer... Não faça isto! Não se ligue demais ao futuro, pense mais sobre o tempo presente, sobre o que você deverá fazer para melhorar a sua qualidade de vida!

Muitas vezes, o que falta para alcançarmos vitória, é coragem para encarar a realidade dos fatos, e para ir à luta!

É interessante como às pessoas têm facilidade para focalizar o passado, e para crerem acerca do "futuro", mas não confiam em Deus para o tempo presente! Voltemos ao exemplo bíblico de Marta. Ela tinha dito a Jesus: "Senhor, se estiveras aqui não teria morrido meu irmão..." João C: 11 V: 21. Jesus afirmou: "Teu irmão há de ressurgir." (Jô C: 11 V: 23) Daí Marta, ao invés de crer que Jesus poderia ressuscitá-lo naquele exato momento, creu que isto seria possível lá na frente... No futuro... Na ressurreição do último dia! "Eu sei, replicou Marta, que ele há de ressurgir na ressurreição do último dia." (Jô C: 11 V: 24). Mas Jesus continuou ministrando a ela, e logo em seguida ressuscitou a Lázaro, naquele momento! Ela estava diante de Jesus, mas tinha dificuldade em crer que Ele poderia operar o milagre naquela mesma hora!

Exercite a sua fé, aprenda a confiar em Deus para hoje, para o aqui e agora! Confie em Deus que o novo ano que está por se iniciar será o seu ANO DA VITÓRIA! De provas da sua fé, lançando-se imediatamente ao trabalho! Não visualize o Ano Novo como se fosse "futuro", ou "algo" distante... Ele já está às portas, está chegando, emparelhe-se com ele, corra junto com o tempo... Não deixe a sua oportunidade passar!

MUITOS NÃO CONHECEM A VONTADE DE DEUS, NÃO SABEM SE DEUS QUER... Dizem: "eu sei que tu podes, mas não sei se tu queres."! Neste novo ano, disponha-se a ler mais a Bíblia, porque ela é a Palavra de Deus, e revela o Plano de Deus para a sua vida! Leia a Bíblia diariamente.

Você verificará na leitura da Palavra de Deus que a vontade de Deus para nós é: "boa, agradável e perfeita", que Ele quer o seu bem, e a sua vitória! Ele quer lhe dar vida abundante! Creia nas promessas bíblicas e tome posse para a sua vida hoje!

Não focalize sua fé somente no passado, e nem a direcione apenas para o futuro, creia em Deus para o tempo atual, tome posse da sua bênção e da sua vitória AGORA! Com base na Palavra de Deus eu posso lhe assegurar que Ele deseja abençoar a sua vida aqui e agora! Hoje, neste momento! Não precisamos esperar pela eternidade. ESTA É A SUA VONTADE.

Há pessoas que olham só para o passado. Outras somente para o futuro.

Mas Jesus diz: "eu sou a ressurreição e a vida, e todo aquele que crê em mim viverá". Precisamos enfocar a vontade de Jesus neste mundo agora.

Atos C: 16 V: 31 nos mostram a história do carcereiro que, ao ouvir o testemunho de Paulo e Silas, ficou impactado e desejou a bênção de Deus naquele instante... O apóstolo Paulo então lhe disse: “crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa". E naquela hora da noite, naquele exato momento, ele e toda a sua casa creram, foram salvos e batizados. Deus é o Deus do presente, do agora, que opera agora a salvação, opera agora a cura, a libertação. Este novo ano poderá ser o melhor ano da sua vida; tome posse pela fé! Deixe o passado para trás, não se ligue demasiado no futuro, acredite que este é o seu tempo, agora é a sua vez, esta é há sua hora!

CONCLUSÃO

O diabo na sua arte de gerar a anti-fé, procura levar a pessoa a focalizar o passado, ou então ele diz: "Isto é para o futuro"!

Não lhe dê crédito! Ouça o que o ESPÍRITO SANTO está lhe dizendo através desta mensagem...

O ANO NOVO PODERÁ SER DE FATO UM NOVO ANO NA HISTÓRIA DA SUA VIDA!

PODERÁ SER O SEU MELHOR ANO, O ANO DA SUA VITÓRIA!

TOME POSSE AGORA, PELA FÉ, E CORRA EM BUSCA DA SUA BÊNÇÃO!

Valorize o tempo!

“Não perca tempo, porque o tempo voa...”.

Veja o que diz o grande poeta Olavo Bilac:

O TEMPO

Olavo Bilac

Sou o tempo que passa que passa sem princípio, sem fim, sem medida! Vou levando a ventura, e a desgraça, Vai levando as vaidades da vida!

A correr, de segundo em segundo, Vou formando os minutos que correm... Formo as horas que passam no mundo, Formo os anos que passam e morrem.

Ninguém pode evitar os meus danos... Vou correndo sereno e constante: desse modo, de cem em cem anos formo um século e passo adiante. Trabalhai porque a vida é pequena, E não há para o tempo demoras! Não gasteis os minutos sem pena! NÃO FAÇAIS POUCO CASO DAS HORAS!

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.