SENSIBILIDADE.: Ministério Público investiga vinda de médicos cuba...

SENSIBILIDADE.: Ministério Público investiga vinda de médicos cuba...: O Ministério Público do Trabalho (MPT) vai investigar se a vinda de médicos cubanos ao país fere a legislação trabalhista brasileira. Em u...

SENSIBILIDADE.: Indonésia causa polêmica com plano de testar virgi...

SENSIBILIDADE.: Indonésia causa polêmica com plano de testar virgi...: Um plano para tornar obrigatório o teste de virgindade para alunas do ensino médio provocou polêmica na Indonésia. O plano foi apresentado...

SENSIBILIDADE.: Crianças que fugiram da Síria atingem 1 milhão, se...

SENSIBILIDADE.: Crianças que fugiram da Síria atingem 1 milhão, se...: O número de crianças sírias forçadas a fugir do país devastado por uma guerra civil atingiu um milhão nesta sexta-feira, metade de ...

SENSIBILIDADE.: Aneel irá selecionar projetos para geração de ener...

SENSIBILIDADE.: Aneel irá selecionar projetos para geração de ener...: Aneel irá selecionar projetos para geração de energia eólica 23/8/2013 14:09 Por Redação, com ARN ...

Lei proíbe conversão para outra religião na Índia






Uma lei que condena a prisão qualquer pessoa que abandona o hinduísmo para seguir outra religião, foi assinada por Shri Ram Naaresh Yadav, que é o governador do estado de Madhya Pradesh, segundo denunciou o Conselho Global de Cristãos da Índia.
A emenda proíbe a mudança de religião sem autorização do governo, com um mês de antecedência. Ironicamente a lei implica em seu nome a liberdade de culto.
Os extremistas hindus pressionam o governo para que possa fazer como nos países muçulmanos, onde desde o nascimento, a religião é impressa nos documentos de identidade dos cidadãos. O país chega a esta decisão antidemocrática em meio as celebrações do 67º aniversario da independência da Índia do domino britânico.
O presidente do Conselho Global de Cristãos, Sajan George, disse que “a democracia laica da Índia está em perigo devido a lei anti-conversão”.
A proposta da alteração recomenda pena de no máximo de três anos de prisão e uma multa de 50 mil rupias (830 dólares), ou quatro anos e 100 mil rúpias (1.660 dólares), no caso de uma criança, uma mulher ou membro de uma casta ou tribo.
A exigência, tanto para que seja oficializada a conversão, padre ou pastor, como os aspirantes a converter-se terão que obter permissão do estado pelo menos 30 dias antes da conversão. Além de terem que fornecer uma lista de nomes e endereços de pessoas que desejam se converter.
Para isso teria que ser apresentado ao juiz, que poderia pedir a policia que realize investigação necessária.
Segundo a CBN, lideres cristãos em Bhopal, capital do estado, solicitaram que esta lei seja rejeitada, enquanto centenas de cristãos têm participado de protestos em todo o estado.
Portal Padom

Ministro da Malásia quer que a palavra ‘Alá’ seja exclusiva dos mulçumanos



Somente os muçulmanos tem o direito de chamar Deus de “Alá”, insiste o ministro interior da Malásia, Datuk Seri Ahmad Zahid Hamidi.
Exorto aos muçulmanos e líderes de organizações muçulmanas a defenderem a palavra a ‘Alá’ e deixar de lado as diferenças políticas ou qualquer diferença sobre a interpretação ou interesses pessoais de organizações e indivíduos“, disse Hamidi.
O problema consiste em que além dos muçulmanos, o termo ‘Alá’ é utilizado pelos árabes de todas as religiões abraâmicas, incluindo os cristãos e judeus, ao fazerem referencia a Deus. Por exemplo, esta é a palavra usada na Bíblia traduzida em árabe.
Em 2008 as organizações muçulmanas da Malásia, apoiadas pelo Ministério do Interior, tentou defender o termo como sua propriedade, mas em 2009 o Supremo Tribunal do país emitiu uma sentença histórica a favor da Igreja Católica, dizendo que a palavra não é direito exclusiva dos muçulmanos.
No entanto o Ministério Interior não desistiu de dar os direitos a palavra aos muçulmanos, em janeiro de 2010 apresentou uma apelação, que vai ser revisada pela Corte de Apelações esta semana, segundo publicou o RT Sepa Más.
Os cristãos são o terceiro grupo religioso maior da Malásia (2,6 milhões de pessoas), atrás dos muçulmanos e budistas. Oficialmente, no país se proclama a liberdade religiosa, mas o islã é a religião oficial, professada por 60% da população.


Portal Padom

Consciência e reputação Por Armando Taranto Neto




Consciência pode ser definida como a imediata percepção por, parte do sujeito, de todos os processos psíquicos, morais, espirituais, sociais, etc, que ocorrem dentro ou fora dele. Pode ainda ser compreendida como toda a gama de conhecimentos que o homem possui relacionados a seus atos, sentimentos e pensamentos. Sendo assim, a consciência pode ser considerada a essência do ser, bem como a fonte da verdade e do conhecimento.
Nesta linha de pensamento já discorria o filósofo Descartes: “Penso, logo existo”, estabelecendo, assim, a consciência, como a coluna e padrão de todo o conhecimento. É através da consciência que o homem sabe que existe e que se “é”, ou seja, algo pensante, uma alma desconectada, “em termos”, do corpo.
Reputação, por seu turno, é o ato ou efeito de reputar. Conceito ou avaliação obtido por uma pessoa através do público ou da sociedade em que vive
A própria Bíblia faz menção a uma boa reputação em Provérbios 22.1:

““Mais digno de ser escolhido é o bom nome do que as muitas riquezas; e o favor é melhor do que a prata e o ouro.”
Mas o que nos leva a refletir sobre estes conceitos é exatamente a atitude de alguns ditos Cristãos, que preferem estar de bem com o mundo e assim, bem reputáveis, do que assumirem de vez sua identidade de filho do Reino de Deus e andarem na contra mão da sociedade.
Ser aceito pela sociedade e estar de bem com ela, na maioria das vezes, significa estar contra o Evangelho. A própria Bíblia afirma isto em Tiago 4.4b:
“Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus.”
Infelizmente muitos estão escolhendo o doce sabor da conveniência e omissão da boa reputação do que o amargo e lacerante rompimento com o mundo e suas ilusões. A opção do rompimento é dolorida, mas produzirá em nós a consciência limpa e tranquila diante de Deus.
Jesus nunca se preocupou com sua reputação, Ele sempre preferia estar de consciência tranquila com o Pai a ter momentos de auto anulação em nome de uma “boa reputação”. Era mais importante fazer a vontade do Pai do que a Sua própria ou a dos homens.

João 5:30”
“Eu não posso de mim mesmo fazer coisa alguma. Como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, porque não busco a minha vontade, mas a vontade do Pai que me enviou.”
João 6.38:
“Porque eu desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou.”
Quem vive preocupado com boas reputações nunca conseguirá viver e ser quem realmente é. Ele não é o que “é”, mas o que convém “ser”, é formatado de fora para dentro, é conforme aquilo que a mídia e o mundo ditam. Perdeu sua liberdade e identidade.
Bem definiu Sócrates a respeito:
“A maneira de se conseguir boa reputação reside no esforço em se ser aquilo que se deseja parecer.”
A consciência tranquila diante de Deus rompe de vez com todo o sistema deste mundo. Aquele que optou pela consciência está na contra mão do mundo, não se deixa formatar pelos ditames, conceitos, modismos; nada é mais importante do que fazer a vontade do Pai.
Aos libertos, que vivem pela consciência, tudo discernem, de ninguém são discernidos, veem  o que os formatados nunca verão, pois não podem e não tem permissão para ver, pois podem perder sua reputação. Ter reputação também os tornam cegos, surdos e mudos, em outras palavras, os bem reputáveis não “são” mais.
A maneira circunstancial nas quais você vive determinarão sua reputação. A verdade pela qual você seria capaz de morrer demonstrará a tua consciência.  Reputação é aquilo que você tem ao ingressar em uma nova comunidade. Consciência são as marcas que você deixa quando vai embora de lá. A reputação tem efeito temporal, é fugaz (passageiro). A consciência se desenvolve por toda a vida. A reputação pode deixá-lo próspero (rico) ou pobre. O boa consciência o deixará feliz ou infeliz.
Finalmente:
“A reputação são os comentários que serão ditos no seu velório. Consciência é se preocupar com o que Jesus dirá de mim naquele grande dia.”

Tenhas uma boa consciência e que Jesus te abençoe.

* As opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores
e não refletem, necessariamente, a opinião do Gospel Prime.
 

Autor

Armando Taranto Neto

Armando Taranto Neto

Casado, 48 anos, mestre em Sociologia da Religião FATESU - RJ, Pós Graduação em Teologia Bíblica FEB - DF, Sub-oficial da Marinha, Contra Mestre de Cabotagem (Marinha Mercante), Pastor Auxiliar na Assembléia de Deus em Mutuá - RJ

Semana de Atividades Acadêmicas da FDCL - Faculdade de Direito de Conselheiro Lafaiete Postado por Carlos José e Silva Fortes em 22 agosto 2013 às 10:18















http://www.fdcl.com.br/site/
Exibições: 12

                           


***Amigos blogueiros vamos nos unir nesta campanha contra a pedofilia no Brasil.
Você que tem este espaço na internet, use  para  ajudar a nossas crianças.
Muitas hoje mulheres feitas, já foram molestada quando crianças.
Você blogueiro(a) deixe um espaço no seu blog para divulgar esta campanha tão importante.
As crianças  agradecerão por ter uma infância melhor, quando conseguirmos  erradicar este Cancro da nossa sociedade.
Faça a sua parte, todos contra a pedofilia no Brasil.
Clique neste link e vamos nos unir com o promotor de justiça Carlos Fortes (CASÉ FORTES).

PARA COMBATERMOS A PEDOFILIA, ESTE É UM GRANDE MEIO PARA A DIVULGAÇÃO. 

Comentário Célia Goulart










O “evangelho” Placebo Por Samuel Torralbo



É importante inicialmente a definição do termo placebo. Por definição, placebo é uma substância inerte, sem propriedades farmacológicas, administrado a uma pessoa ou grupo de pessoas, como se tivesse propriedades terapêuticas. Ou seja, são substâncias sem nenhuma propriedade medicinal, cujo objetivo é apenas estimular o psiquismo do paciente para a cura tão desejada. Neste processo, por exemplo, o paciente pode acreditar estar tomando um comprimido que possua elementos medicinais, enquanto que na verdade esta ingerindo apenas cápsulas de farinha de trigo. Em muitos casos o método placebo resolve o problema de alguns pacientes simplesmente pela ativação dos elementos contidos no psicológico humano, porém em outros casos o paciente precisará da medicina convencional.
É no mínimo estarrecedor detectar o mesmo procedimento ou método em muitos redutos cristãos, onde o “evangelho” comunicado possui o mesmo efeito placebo, sem consistência nos fundamentos eternos de Deus, partindo apenas de uma premissa psíquica ou emocional que poderá aliviar superficialmente o problema crônico do homem – o pecado.
No antigo testamento os promotores da mensagem placebo já eram bastante comuns – “Curam superficialmente a ferida do meu povo, dizendo: Paz, paz; quando não há paz.” (Jeremias 8.11) O profeta Jeremias estava denunciando uma categoria de sacerdotes e profetas que enganavam o povo e falsificavam a palavra de Deus, difundindo mensagens apenas de cunho motivacional e auto ajuda, enquanto que, menosprezavam a verdadeira palavra de Deus.
Em outro momento, Deus questiona o profeta Jeremias – “Tenho ouvido o que dizem aqueles profetas, profetizando mentiras em meu nome, dizendo: Sonhei, sonhei. Até quando sucederá isso no coração dos profetas que profetizam mentiras, e que só profetizam do engano do seu coração? Os quais cuidam fazer com que o meu povo se esqueça do meu nome pelos seus sonhos que cada um conta ao seu próximo, assim como seus pais se esqueceram do meu nome por causa de Baal. O profeta que tem um sonho conte o sonho; e aquele que tem a minha palavra, fale a minha palavra com verdade. Que tem a palha com o trigo? diz o Senhor.” (Jeremias 23.25-28) Os questionamentos de Deus dentro deste contexto do livro de Jeremias estão todos atrelados ao evangelho placebo, profetas profetizando mentiras e a palha assumindo o lugar do trigo (falsidade), podendo apenas produzir cura e transformação superficial na vida das pessoas.
Porém, esse tipo de mensagem fraudulenta não era apenas realidade do antigo testamento, mas infelizmente também é um fato no período neotestamentário – “Estes são manchas em vossas festas de amor, banqueteando-se convosco, e apascentando-se a si mesmos sem temor; são nuvens sem água, levadas pelos ventos de uma para outra parte; são como árvores murchas, infrutíferas, duas vezes mortas, desarraigadas; Ondas impetuosas do mar, que escumam as suas mesmas abominações; estrelas errantes, para os quais está eternamente reservada a negrura das trevas.” (Juda 1.12.13)
Deste modo, fica evidente que, o outro evangelho (placebo) sempre esteve presente assediando o crescimento do verdadeiro evangelho de Cristo Jesus, servindo apenas de paliativo ou bandeide em cima de um tumor chamado pecado.
Sendo assim, o tempo atual requer de todos os verdadeiros discípulos de Cristo Jesus o discernimento necessário para distinguirem entre a palha e o trigo, o superficial e o essencial, o engano e a verdade – “Mas o mantimento sólido é para os perfeitos, os quais, em razão do costume, têm os sentidos exercitados para discernir tanto o bem como o mal.” (Hebreus 5.14)  

* As opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores
e não refletem, necessariamente, a opinião do Gospel Prime.

Autor

Samuel Torralbo

Samuel Torralbo

Cristão por adoção, Pastor por vocação, Escritor por paixão. Formado em Teologia pela Faculdade Metodista de São Paulo, Diretor do Instituto Teológico Petra, e fundador do projeto Em Defesa da Igreja, Co-Pastor na Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Casa Verde Alta em Mogi das Cruzes.



Bíblia, sem ela não há avivamento Texto Bíblico: Js 1.1-8.



Introdução: – O crescimento é uma lei da vida. Um meio eficaz é o estudo da Palavra de Deus. Os grandes avivamentos, desde o Antigo Testamento, se centralizaram na Palavra de Deus. Sem a Palavra não há avivamento verdadeiro. A nossa confiança de que a Bíblia é a Palavra de Deus e é nossa única regra de fé e prática, faz dela central em qualquer movimento de avivamento.
Sem que nos voltemos para a Palavra, não experimentaremos o verdadeiro avivamento. Não podemos apenas reformar cultos, sair para as ruas evangelizando, sem que isso seja impulsionado pelo ensino da Bíblia.
I. Sl  1 – O VALOR DAS ESCRITURAS NA FORMAÇÃO DO CARÁTER.
As Escrituras são sinônimo de Lei, aqui no Salmo 1. Ele mostra que o homem tem opções entre dois caminhos, que levam a duas atitudes e a duas conseqüências. A chave do Salmo é a busca pela felicidade. A educação religiosa é tarefa de levar o homem a ter uma consciência de escolha e não fazer a escolha por ele. A felicidade não é automática, mas é fruto da vida que começa com uma escolha correta.
1. O que não se deve fazer para conseguir a felicidade (v. 1,4,5). Há os que escolhem o caminho negativo para a busca da felicidade. Começam por andar no “conselho dos ímpios”, ou seja, aceitando sua forma de pensar. É uma maneira sutil de tentação em que a pessoa é atraída pelas idéias bonitas e convidativas e passa a achá-las naturais e normais. Numa vida em sociedade, com as muitas pressões, as pessoas são pressionadas a pensarem como as outras.
O que seria um simples aceitar de idéias se aprofunda quando a pessoa “se detém no caminho dos pecadores”, que são aqueles que vivem em rebeldia contra Deus. Deter-se é participar, é exercer atividades e praticar atos que os pecadores praticam sem qualquer arrependimento. Muitos crentes tomam atitudes perigosas quando dizem: “Qual é o problema?. Todo mundo faz isso”. O que começou moldando o pensamento, acabou determinando a ação.
O caminho ainda está pela metade. Aquele que aceita o padrão dos outros, e pratica os mesmos atos, passa a pertencer ao mesmo grupo. Este é o sentido de “se assenta na roda dos escarnecedores”. A pessoa adota o estilo de vida dos escarnecedores, os quais se constituem nos piores tipos de pessoas em relação à fé, pois são os mais distantes de um verdadeiro arrependimento.
2. A conseqüência do caminho negativo. – A vida das pessoas que tomam esse caminho é marcada pela instabilidade, conforme se observa no versículo 4: “Moinha” é a palha que voa quando o grão é peneirado. Em vez de frutos, só há palha. Outra marca desse tipo de vida é a condenação (v.5). No juízo não há argumentos para se livrar da condenação. Não só a condenação, como também a alienação é marcas das pessoas que tomam o caminho fácil para a busca da felicidade. “Não subsistirão (…) na congregação dos justos” (v.5). Não participam do verdadeiro valor da comunhão entre as pessoas. A vida dessas pessoas é falsa, porque toda a base é falsa.
A educação deve levar a pessoa a ter consciência dos riscos da vida negativa para a felicidade. Deve também levar a um amadurecimento de tal forma que a pessoa tome decisões por si mesma e não ceda às pressões de outros. Muitos entram pela via negativa porque não cresceram e amadureceram o suficiente para tomar decisões com liberdade. O alvo da educação religiosa é a liberdade que o indivíduo deve ter nas decisões em questões de fé e vida.
3. O verdadeiro caminho para a felicidade (v. 2,3,6). – Em primeiro lugar, é ter prazer na Lei do Senhor (v.2; cf sl 119.12-16). É por aí que tudo começa. Não se trata de moldar o caminho pelo próprio esforço e com idéias próprias, mas é viver segundo a Palavra de Deus.  Em vez de se sentir atraído pelos ímpios, pecadores e escarnecedores (v.1), o homem deve sentir alegria na Lei do Senhor. Quando começamos a nos distanciar da Bíblia, a preferir outras coisas ou pessoas, a estarmos em comunhão com os irmãos, estamos em perigo. Em segundo lugar, é preciso meditar na lei do Senhor (v.2). Meditar é torná-la prática na vida. Quando meditamos, estamos moldando o pensar, e isso refletirá muito na qualidade da vida espiritual.
4. A Conseqüência do caminho positivo. O resultado é uma vida estável (v.3). A “árvore plantada” dá uma idéia de segurança, estabilidade. Será uma vida de equilíbrio também (v.3), pois “dá seu fruto na estação própria e cujas folhas não caem”. Nada acontece fora do tempo de Deus e sem um propósito definido em sua vida. Os sucessos, a prosperidade, são conseqüências de uma vida que procura a felicidade conforme a vontade de Deus. Não se trata de mero sucesso ou prosperidade materiais, mas uma vida cuja felicidade origina-se numa vida de comunhão com Deus.
Há ainda a visão conseqüente que temos quando meditamos na Palavra de Deus e vivemos segundo ela (v.6). Tanto o “caminho dos justos” como o dos “ímpios”, Deus conhece. Passamos também a conhecê-los pela sabedoria que a Palavra nos dá (cf Sl 72).
A educação religiosa irá primar pela formação do caráter cristão. Somente pela escolha do caminho da Palavra de Deus é que é possível essa formação. O homem precisa ser contemplado em todas as suas facetas, e todas elas precisam ser redimidas. Só a Palavra de Deus é que poderá, mediante a ação do Espírito Santo, fazer a obra de transformação. O conteúdo da educação é a Palavra.
II. Sl. 19 – CARACTERÍSTICAS QUE FAZEM A BIBLIA SER SEMPRE ATUAL.
A partir do Salmo 19. 7-14, vemos as seguintes características:
1. Perfeita (v.7). – Este é o caráter da Lei de Deus. Não se trata de regras relativas para um dado momento histórico, condicionado pelas circunstâncias. Os princípios da Palavra do Senhor são válidos para todos os tempos e pessoas.
2. Fiel (v.7) e verdadeira (v.9). A Palavra é confiável. Aquilo que Deus revela é fiel porque foi ele quem revelou, e ele não mente, mas cumpre e confirma sua palavra. Pode o homem esquecer e até desobedecer, mas Deus está comprometido com sua palavra e não deixa que nenhuma de suas promessas fique sem cumprimento. Podemos crer  na Palavra, porque é o Deus verdadeiro e fiel que no-la revela.
3. Reta (v.8). “Reta” significa moralmente direita, certa. A Palavra não nos conduz ao erro, ao mal. A fonte da revelação é a fonte da perfeição, é o Deus Santo e Perfeito. Aqueles que vivem segundo a Palavra de Deus estão no caminho da retidão, porque estão no caminho do Senhor que revela seu caráter santo e justo em sua Palavra.
4. Pura (v.8) e limpa (v.9). “Pura” significa sem mistura, legítima. “Limpa” significa, transparente. A Palavra é pura e limpa, porque revela o caráter de Deus. Na Bíblia encontramos a verdade pura e cristalina pela qual devemos conduzir os nossos viver. Não é uma palavra que nos torna impuros, mas que nos conduz a uma vida santa. Ele é o instrumento utilizado pelo Espírito Santo para a nossa santificação.
5. Doce e desejável (v.10). Quem é que não desejará viver segundo uma verdade que só conduz à segurança, a uma vida santa, que oferece um caminho seguro e confiável? Devemos ter fome da Palavra, porque ela é doce e desejável ao nossos espírito. Só há vida espiritual com a Palavra de Deus.
6. Admoestadora (v.11). Por ter característica perfeita, fiel, reta, pura, limpa e verdadeira, a Palavra revelará nosso íntimo e nos admoestará e advertirá. Devemos estar preparados para ouvir as repreensões das Escrituras.
III. O RESULTADO DA AÇÃO DA BÍBLIA EM NÓS.
O salmista descreve o resultado logo após cada característica. Assim a Palavra de Deus: 1) refrigera a alma, porque é perfeita (v.7); 2) dá sabedoria aos simples, pois é fiel (v.7); 3) alegra o coração, por causa de sua retidão (v.8); 4) alumia os olhos, por  sua pureza (v.8); 5) conduz-nos à verdade, devido a ser verdadeira e justa (v.9); 6) põe no coração o verdadeiro e legítimo desejo, porque é desejável )v.10); 7) põe na vida o seu verdadeiro sentido ou sabor, pois é doce ((v.10);  8) ajuda-nos a reconhecer os pecados de que não havíamos tomado consciência devido à sua ação admoestadora (v.11-13).
A preocupação do salmista em que suas palavras e sua meditação fossem agradáveis ao Senhor (V.14) deve ser a nossa também. Isso só acontecerá quando a Bíblia for encarada com a devida seriedade. Somente os que têm a Bíblia em alto conceito e importância é que são moldados pelos seus ensinos e vivem de forma mais agradável a Deus.
Você que mais motivos para conscientizar-se da importância e atualidade da Bíblia e passar a lê-la e meditar nela?
IV. POR QUE A IGREJA DEVE PRIORIZAR O ESTUDO DA BIBLIA?
1.  Porque foi ordem de Jesus. (Mt 28.19,20);
2. Porque o Espírito Santo dá o dom de ensino que tem como objetivo o “aperfeiçoamento” (Ef 4.11-16). O alvo do ministério da igreja é o crescimento dos crentes, e isso se dá mediante a educação; e
3. Porque o conteúdo da educação é Cristo. O ensino cristão não é um ensino comum. Ele trata de assuntos relacionados com o destino do homem perante Deus. O conteúdo é cristocêntrico. Ele é a cabeça da igreja e o motivo de nossa existência, e nele é que devemos crescer.
4. O ensino da Bíblia no Avivamento. É isso que vemos no avivamento liderado por João Batista (Mt 3.1-12; Mc 1.2-8; Lc 3.1-20; Jo 1.6-37). A obra de Deus já sofreu todo tipo de males pela falta do ensino da Bíblia, inclusive nos avivamentos, renovação espiritual, etc. Os males também decorrem do falso ensino, em nome da Bíblia.
V. NORMAS DE UM AVIVAMENTO CONTÍNUO.
Os vv 42-46 de Atos, cap 2, estão todos interligados pela conjunção “e”, indicando seqüência e parte de um todo.
1. Havia apego e conformação à doutrina bíblica: “E perseveravam na doutrina dos apóstolos” (v.42). “Doutrina” significa ensinar, doutrinar, instruir (com normas). Havia dedicação ao ensino constante da Palavra de Deus, às doutrinas da fé cristã ensinadas pelos dirigentes da Igreja. A expressão “dos apóstolos” indica que o rebanho submetia-se à autoridade espiritual dos apóstolos. Um volumoso ensino das Escrituras é fundamental ao crescimento e solidez da Igreja.
  • A Igreja que não ensina regularmente a Palavra de Deus faz com que seus membros tornam-se superficiais e instáveis. A igreja deve ensinar mais, muito mais, a doutrina bíblica, quanto a fé cristã e à prática da vida cristã.
2. Havia menos desviados na Igreja. “E perseveravam” (v.42). O termo aqui também abrange isso. Também não está dito que todos permaneciam firmes. Infelizmente sempre há aqueles que abandonam a fé, mas, hoje, o índice é alarmante na Igreja. Face ao descaso da Igreja, uma grande parte dessa evasão constitui-se de “menores abandonados” pela congregação, no sentido espiritual, isto é, novos crentes sem acompanhamento, sem discipulado, sem visita, sem oração, sem Escola Dominical, sem freqüência aos cultos.
3. Havia intensa e forte comunhão entre os crentes. “Perseveravam na comunhão” (v.42). O avivamento bíblico reúne, une e unifica os crentes, mediante a comunhão do Espírito Santo. A Igreja é um corpo, um organismo vivo, e que deve ser unido em Cristo, pelo Espírito, conforme Ef 4.15,16. A comunhão cristã é vital à continuação do avivamento na Igreja, porque ela realiza a unidade espiritual de que trata Ef 4.1-6. Unidade é mais do que simples união. União vem pela fraternidade; unidade vem pela comunhão do Espírito Santo.
4. Apego ao memorial da Ceia do Senhor. “E no partir do pão” (v.42). É um ato visível, de natureza invisível. Jesus mesmo instituiu esse memorial da sua morte, sob os dois elementos figurativos: do pão (o seu corpo), e do vinho (o seu sangue). Seu corpo que foi partido, ferido; seu sangue que foi derramado, vertido, por nós na cruz.
5. Apego intenso à Oração. “E perseveravam nas orações” (v.42). “Orações” são formas de orar, como a confissão, a súplica, a intercessão, ação de graças, adoração, meditação, petição; tudo diante de Deus. Com a ajuda do E.Santo.
6. Santo e profundo temor de Deus. “E em toda alma havia temor” (v.43). Temor reverente a Deus. Reverência por Deus e pelas coisas de Deus: seu nome, sua obra, sua casa, seu culto, seu povo.
7. Crescimento constante na Igreja. “E todos os dias acrescentava o Senhor à Igreja” (v.47). A Igreja não cresce hoje como antes, e isto tanto em qualidade quanto em número. Num avivamento, muitas vezes os pecadores clamam por salvação, independentemente de convite do pregador, do pastor, do ganhador de almas, como no cap. 2.37. Hoje certos “pregadores” usam até de truques para trazer as pessoas à frente. Um avivamento não consegue tudo, mas faz diferença!
VI. A CONTINUAÇÃO DO AVIVAMENTO.
A história da Igreja mostra claramente que, vez por outra, ela atravessa períodos  de marasmo espiritual, apresentando frieza, abertura ao secularismo, liturgismo por falta de vida, poder, fervor e unção que só o Espírito Santo comunica.
A Palavra de Deus em Habacuque, fala-nos de alguns elementos espirituais que um avivamento deve buscar e preservar a fim de que não pereça.
1. Humilhação do povo diante de Deus. (Hb 3.16). –  O quebrantamento de espírito do profeta, aliado à sua profunda humilhação diante de Deus e seu sentimento de indignidade, representa uma das condições para a continuidade do avivamento. Num avivamento só Deus é grande e toda glória humana se esvai. Habacuque era um obreiro de destaque no magnífico templo de Jerusalém, mas vêmo-lo aqui quebrantado em seu espírito (“meu ventre; meus ossos; dentro de mim”, v.16).
A humildade de que Deus se agrada é primeiramente a de espírito e daí permeia todo o seu ser (Is 57.15; 1Pe 5.6). Quem é grande em si mesmo não pode ser servo, e quem é servo não pode ser grande em si mesmo.
2. Fé inabalável em Deus. – No avivamento nem tudo são bênçãos, regozijo, maravilhas do Senhor. De muitas maneiras o inimigo reage contra os santos e a fé é testada; porém, mesmo assim, o crente fiel continua firme.
Um avivamento não persistirá se nele vier a predominar o emocionalismo, a imaturidade, a pseudoliderança e a ausência da doutrina bíblica. O segredo é a fé e seu exercício segundo a Palavra de Deus (Mt 9.29).
3. A força do Senhor.  “Jeová, o Senhor, é minha força” (v.19). Duas grandes lições divisam-se aqui. 1) A responsabilidade pessoal de cada crente: “minha” (e não apenas nossa); 2) O crente que sempre depende do poder do Senhor (força).
Conclusão: Que cada dia, haja esforço de todo servo do Senhor para Ler, Meditar, Estudar e Cumprir à Palavra de Deus, o que ocorrendo vamos manter o avivamento em meio a um mundo tão cruel e tão cheio de inovações diabólicas, que sorrateiramente está invadindo nossas igrejas. Que Deus nos guarde!.

Autor

Adilson Faria Soares

Adilson Faria Soares

Pastor Presidente da Assembléia de Deus em Mutuá - Rio de Janeiro. Membro do Conselho Sudeste da CGADB.Conferencista Internacional. Comentarista de várias Revistas da EBD - CPAD.
+ Artigos


 * As opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores
e não refletem, necessariamente, a opinião do Gospel Prime.

Depois do ataque terrorista a Nova Iorque em 2001, número de mesquitas nos EUA está crescendo Por Julio Severo



O terrorismo islâmico traz crescimento de mesquitas? O fato é que depois do atentado terrorista islâmico contra Nova Iorque em 2001, muitas novas mesquitas estão surgindo nos Estados Unidos, e esse crescimento desafia a lógica e contrasta com o movimento de crescimento de igrejas, que não tem conexão com o terrorismo.
Virginia Beach, a famosa sede da Christian Broadcasting Network (Rede de Televisão Cristã) e seu igualmente famoso programa “Clube 700,” está agora para ter sua primeira mesquita, o Centro Comunitário Crescente.
Na vizinha Maryland, o governo da Turquia está construindo uma mega-mesquita de 100 milhões de dólares, o Centro de Civilização e Cultura Turco-Americano em Lanham.
No começo deste ano, o primeiro-ministro islamista da Turquia viajou aos EUA para comparecer à cerimônia de fundação da mesquita.
Dá para você imaginar o governo dos EUA construindo uma mega-igreja cristã de 100 milhões de dólares na Turquia? Dá para você imaginar um secretário de Estado dos EUA viajando à Turquia para comparecer à cerimônia de fundação da igreja?
Não, o governo dos EUA, cuja nação outrora era uma potência protestante, nunca faria por uma igreja cristã no exterior o que os governos muçulmanos fazem pelas mesquitas no exterior.
Embora as igrejas cristãs estejam sendo destruídas quase que diariamente em países muçulmanos em todo o mundo, o governo dos EUA está investindo milhões de dólares para reconstruir mesquitas islâmicas em outros países.
Dá para você imaginar a Turquia ou a Arábia Saudita investindo milhões de dólares para reconstruir igrejas cristãs em outros países? Enquanto os EUA financiam a reconstrução de mesquitas no exterior, a Turquia e outras nações islâmicas financiam o crescimento de mesquitas nos EUA.
O Projeto Clarion informa que cerca de 1.200 mesquitas estão hoje em funcionamento nos EUA, e quase 80 por cento delas foram construídas depois do ataque terrorista de 11 de setembro de 2001.
A maioria dessas mesquitas é dirigida por clérigos Wahhabi — da mesma linha islâmica que Osama bin Laden seguia.
Dos EUA, a intenção deles é espalhar crescimento de mesquitas no mundo inteiro.
Estimular crescimento de mesquitas é um jeito estranho dos EUA combater o terrorismo, que é em grande parte de natureza islâmica.
Com informações da CBN News e da revista Front Page.

Versão em inglês deste artigo: After 9/11, Mosques Popping Up Across America

* As opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores
e não refletem, necessariamente, a opinião do Gospel Prime.

Homem decide perseguir pastor para matá-lo e termina se convertendo ao Evangelho




Um plano de assassinato que se tornou numa conversão ao cristianismo é o testemunho de um indiano chamado Jayesh.
O homem não aceitava a forma como o pastor Nabhith, da organização Gospel for Asia evangelizava as pessoas de sua aldeia, e o procurou para sugerir que abandonasse o local antes que ele o denunciasse às autoridades por forçar os moradores a se converter ao cristianismo.
O pastor Nabhith, no entanto, explicou pacientemente que não deixaria a aldeia porque simplesmente não estava fazendo nada daquilo que Jayesh o acusava. Desde então, incomodado com a resistência do pastor, Jayesh planejou matá-lo.
Uma parte de seu plano era colher provas de que o pastor Nabhith havia transgredido a lei local, e por isso, ele passou a segui-lo por todos os lugares. Onde o pastor ia, Jayesh ia atrás, apenas esperando um deslize para matá-lo, e posteriormente justificar o crime dizendo que Nabhith havia transgredido a lei.
Porém, de acordo com informações do Charisma News, o que Jayesh viu foram verdadeiras demonstrações de amor ao próximo por parte do pastor Nabhith, que visitava enfermos e necessitados, e falava do Evangelho para estes. Vendo isso, Jayesh se convenceu de que o pastor não tinha planos de dominação ou de conversão de fiéis forçada.
Certo dia, após seguir o pastor pela aldeia, Jayesh sentou-se à porta do templo onde Nabhith conduz os cultos, e ouviu as orações pelos necessitados e os testemunhos dos fiéis, que demonstravam alegria ao contarem uns aos outros sobre a mudança de vida que haviam experimentado.
Jayesh caiu em lágrimas e seus gritos de desespero foram ouvidos pelo pastor e fiéis, que saíram à porta do templo para acalmá-lo e convidá-lo a participar do culto junto com os demais. Nervoso, Jayesh hesitou mas reconheceu que precisava do perdão de Deus, e confessou seu plano para matar o pastor.
Os fiéis e o pastor oraram juntos com Jayesh, que se converteu ao Evangelho e afirmou que suas dúvidas sobre o pastor Nabhith eram parte do passado: “Agora eu sei que não há nenhuma culpa nele. Ele adora a Deus de verdade”, disse Jayesh.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

UMA FLOR GLORIOSA-HARPA CRISTÃ 196-CARLOS





E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis. Apocalipse 21:5







Igrejas Pentecostais são fechadas em Camarões




O governo de Camarões tomou medidas severamente energéticas este mês contra as igrejas pentecostais prometendo fechar até 100 congregações. Paul Biya, o presidente do país da África ocidental, disse que os fechamentos são uma tentativa de impedir que os pastores pentecostais realizem “práticas criminosas“, que supostamente ameaçam a segurança nacional de Camarões.
Até o momento, pelo menos 50 igrejas foram fechadas por funcionários do governo, e mais dezenas serão fechadas.
Oficiais da cidade, afirmam que estas igrejas pentecostais são uma ameaça para seu país devido às tentativas de falsas curas e outras atividades espirituais controversas. Por exemplo, o governo citou a morte de uma criança de 9  anos de idade, durante uma sessão de oração no domingo passado, quando um pastor pentecostal estava tentando expulsar os demônios de seu corpo.
Mby Anthony Lang, um funcionário do governo de Camarões, disse a CNN que apenas 50 das 500 igrejas pentecostais em seu país são tecnicamente legais.
“Vamos libertar de todos os chamados pastores cristãos pentecostais que fazem mal uso do nome de Jesus Cristo, com falso milagres que causam a morte de cidadãos em suas igrejas, prometo”, disse Lang.
Segundo a Operation World, 54% dos 20 milhões de habitantes de Camarões se descrevem como cristãos, desse número, cerca de 800 mil são cristãos pentecostais, mas esse número está crescendo a uma taxa anual de cerca de 7%.
Embora o país seja tecnicamente uma nação secular, a Constituição de Camarões, estabelece a liberdade religiosa e diz que: “garante a liberdade de religião e de culto“.
Toda pessoa tem o direito à liberdade de pensamento, de consciência e de religião“, diz a Constituição. “Este direito inclui a liberdade de mudar de religião e a liberdade de crenças, seja individual ou em comunidade com outros e em publico ou privado, de manifestar sua religião ou crença com o ensino, pela pratica, ao culto ou pelos ritos”.
Bonifacio Tum, um bispo da Igreja Camaronesa de Deus, disse a CNN que a repressão do governo contra as igrejas cristãs viola os direitos humanos básicos.
“Autorizando apenas a Católica, Presbiteriana, Batista, Muçulmana e algumas outras igrejas, é uma violação estrita do direito à religião”, disse Tum.


Portal Padom
Traducido y adaptado por NoticiaCristiana.com de Christian News

Governo egípcio pretende dissolver a Irmandade Muçulmana



O Governo egípcio estuda dissolver a Confraria da Irmandade Muçulmana, após os tumultos dos últimos dias no país, informou ontem o porta-voz do Conselho de Ministros, Sherif Shauqi.
Em conferencia a imprensa no Cairo, Shauqi explicou que o Executivo analisa adotar esta medida “através de meios legais”.
A Irmandade Muçulmana, que foi fundada em 1928 por Hasan el Bana, foi proibida em  1954 por Gamal Abdel naser, mas após a revolução que derrubou a Hosni Mubarak em 2011, ficou em uma situação ilegal que ainda permanece.
Em declarações a imprensa após a audiência de seu porta-voz, o primeiro ministro do Governo provisório, Hazem al Beblaui, pediu a reconciliação dos egípcios, mas fechou a porta a “aqueles que tem em suas mãos manchas de sangue”.
“Não haverá reconciliação com aqueles que têm as mãos manchadas de sangue, que levantaram suas armas contra o Estado e contra os seus cidadãos“, disse Beblaui.
Ele também assegurou que o Executivo está tentando “abrir o caminho para a democracia, com uma constituição do consenso e da lei eleitoral transparente”.
O Primeiro-Ministro destacou que os recentes confrontos registrados na sexta-feira, que deixou pelo menos 173 mortos, segundo o governo, foram produzidos entre “vizinhos e manifestantes” e não pela ação das forças de segurança.
Finalmente, reiterou que o Executivo aposta por uma solução pacífica a crise egípcia e que a intervenção das forças de segurança deve ser apenas “um último recurso”.


Portal Padom

Pregadores cristãos são agredidos em evento do Orgulho Gay nos EUA



Dois pregadores cristãos foram agredidos em evento do Orgulho Gay, em Seattle, no estado de Washington, na costa oeste dos Estados Unidos (EUA), no domingo (30). Eles foram para as ruas hasteando cartazes com os seguintes dizeres: “arrependa-se, ou então” [tradução do inglês: repent or else] e “Jesus salva do pecado” [tradução do inglês: Jesus saves from sin]. A multidão teria ficado revoltada quando um dos pregadores disse: “arrependa-se ou vá para o inferno”.
Dois participantes deram socos e pontapés nos dois ativistas contra a homossexualidade. A violência foi registrada em um vídeo abaixo, que serve agora como prova do caso. Os agressores devem responder por agressão e contravenção.
Um dos suspeitos, Jason Queree, 36 anos, que aparece na gravação dando golpes no pregador de rua na parte de trás da cabeça, enquanto ele está no chão, já foi preso 29 vezes desde 1995.
Um dos pregadores, Ruben Israel, que é membro do grupo Bible Believers, afirma que é comum esse tipo de ataque. Ele lembra que manifestantes gays já tentaram incendiar uma Bíblia em Chicago e que, em outro caso, no estado americano do Novo México (NM), até a polícia foi atacada ao defender os pregadores. Ele disse que mais ataques físicos, como o de Settle, devem acontecer.
“Nós não somos inimigos [...] Isso não tem nada a ver com ódio e sim com compartilhar o Evangelho”, completa o cristão.
Ruben Israel reflete: “[A comunidade LGBT] acredita que eles têm a lei por trás deles. Se você não concordar com eles, você está errado. [...] Eles nos [evangélicos] atacam na presença da polícia e eles nos atacam na frente de uma câmera de vídeo”, conclui.





 The Christian Post / Portal Padom

Igreja Católica se pronuncia sobre a morte de José Luis De Jesús Miranda o autointitulado ‘Jesus Cristo Homem’




A suposta morte do líder da seita ‘Creciendo en Gracia, José Luis de Jesús Miranda, demonstra a falsidade de suas profecias e doutrinas’, disse no final de semana o padre Juan Ángel López, vigário dos meios de comunicação da Igreja Católica em Honduras.
Os seguidores de José Luis Miranda em Honduras continuam a espera de sua transformação.
Quarta-feira passada foi divulgada na web em todas as redes sociais a noticia de que Miranda, que se autoproclamava ‘Jesus Cristo Homem’, havia morrido em um hospital no Texas, por cirrose hepática, versão que não foi confirmada por seus seguidores, mas eles continuam esperando a transformação em imortal de seu líder.
“A única coisa que se prova é que todos aqueles que se consideram deuses ou querem substituir a Deus simplesmente terminam ocupando um espaço no cemitério e por isso não deve seguir a homens, o único que tem que ser seguido é Jesus Cristo”, afirmou o religioso.
Ele disse que ao longo da historia tem existido muitos que tem passado pela mesma situação, mas apenas ter paciência porque todo aquele que se autoproclama Deus, como no caso de Miranda, que se fazia chamar de Jesus feito homem, cedo ou tarde terá que se apresentar perante o Senhor,
Líder Autointitulado “Jesus Cristo Homem” Inicia Contagem Regressiva Para “Transformação Que O Tornará Imortal” Homem Que Diz Ser “Jesus Cristo Homem” Morre Em Hospital Seguidores Do Homem Que Diz Ser ‘Jesus Cristo Homem’, Que Supostamente Está Morto, Acreditam Quem Ele ‘Reaparecerá Glorificado’ Ex-Esposa Do Autointitulado Jesus Cristo Homem, Confirma Sua Morte
“Com toda a honestidade, devemos dizer aos seus seguidores para que revisem a historia de José Luis Miranda e que percebam todas as mentiras e falsidades que existe nas cosias que ele fez ou disse”, recomendou López.
O religioso refletiu que a única coisa a fazer é esperar a segunda vinda do Senhor Jesus Cristo, porque estar colocando esperança nos seres humanos é perigoso para a sociedade.
“Ele morreu, já se apresentou diante do Senhor e se acabou, aqui termina esta historia como ocorreu com milhares de pessoas que queriam tomar o lugar de Deus, e a chamada é para que não caiamos nessa tentação”, disse o padre.

Portal Padom

Uma menina que não envelhece abre a porta da imortalidade




Uma estranha doença faz com que uma menina de nove anos de idade conserve os traços faciais e corporais de um bebê de poucos meses. Gabby Williams tem uma doença muitíssimo rara, na qual desacelera a sua taxa de envelhecimento.
Durante os últimos dois anos, o pesquisador médico Richard F. Walker tem tentado encontrar o ‘interruptor genético’ que retarda o processo de envelhecimento de Gabby, bem como de outras duas pessoas que apresentam surpreendentes semelhanças.
Segundo Walker, as pessoas que padecem deste tipo de enfermidades não apenas tem um quinto da velocidade da taxa de crescimento, como uma variedade de problemas médicos como a surdez, incapacidade de caminhar, comer ou falar.
Conforme explica o pesquisador, as mudanças fisiológicas, ou o que ele chama de ‘inércia do desenvolvimento’ é essencial para o crescimento humano. “Á medida que desenvolvemos, todas as partes de nosso corpo se unem, mudam e se coordenam. Caso contrário, seria um caos”, explica o doutor,
Em uma das pessoas que Walquer tem estudado, encontrou danos em um dos genes que causam inércia de desenvolvimento, uma descoberta, que segundo ele é muito significativa. Da mesma forma, o medico indicou que suspeita que as mutações estejam nos genes reguladores do segundo cromossoma X feminino.
“Se pudéssemos identificar o gene e logo na idade adulta deter a inércia do desenvolvimento, e encontrar um interruptor de desligar, ao fazê-lo produziríamos uma perfeita homeostase e seriamos biologicamente imortais”, revelou.
No entanto, Walker ressalta que isso não significaria que as pessoas nunca iriam morrer, pois as doenças os acidentes continuariam terminando com a vida humana.
Casos semelhantes
Na Florida, um homem de 29 anos de idade tem o corpo de um menino de 10 anos, e uma mulher brasileira de 31 anos de idade é do tamanho de um bebe de 2 anos. Como Gabby, eles não parecem envelhecer.
“Em algumas pessoas acontece algo que retarda seu processo de desenvolvimento”, explicou Walker. “A taxa de mudança no corpo diminui tanto que dificilmente é notada“, acrescentou o doutor a RT.


Portal Padom

Ativistas muçulmanos incendiaram dois prédios da Sociedade Bíblica do Egito, além de igrejas e escolas cristãs



O clima de guerra civil no Egito após a destituição do primeiro presidente eleito do país, Mohamed Morsi e a tomada de poder das Forças Armadas vem ganhando contornos de perseguição religiosa.
Dois prédios da Sociedade Bíblica do Egito, nas cidades de Assiut e Minya, foram completamente queimados por ativistas islâmicos. Os locais abrigavam livrarias da Sociedade Bíblica, que está presente no país há mais de um século.
Ramez Atallah, secretário-geral da entidade no país, afirmou em nota que nenhum funcionário ficou ferido pois as livrarias não abriram no dia por medo de ataques dos radicais: “Os assaltantes derrubaram as portas de metal que protegem as livrarias, quebraram as vitrines e atearam fogo. Fizeram o mesmo em muitas outras lojas na rua, assim como destruíram muitos carros que estavam nos estacionados”, disse.
No documento divulgado pela Sociedade Bíblica do Egito, os integrantes da entidade pedem oração pelo país, e fala abertamente sobre a Irmandade Muçulmana, principal entidade religiosa por trás das manifestações que pedem a restituição de Morsi à presidência. O texto pede que os fiéis islâmicos mudem sua postura em relação aos cristãos.
“A Sociedade Bíblia do Egito esta em operação durante 129 anos no país e esta é a primeira vez que fomos vitimas deste tipo de ataques. Damos graças a Deus por sua proteção, e louvamos porque nenhuns de nossos funcionários ficaram feridos e estão determinados, assim que as coisas acalmarem, rapidamente restauraram as duas livrarias para continuar proporcionado a Palavra de Deus nessas duas cidades estratégicas”, disse Atallah.
Perseguição
O presidente deposto Mohamed Morsi foi eleito democraticamente após a chamada Primavera Árabe, e aprovou uma nova Constituição no Egito, que restringia as liberdades civis de minorias religiosas, como os cristãos.
Após sua deposição, apoiada por grande parte da população, as lideranças muçulmanas iniciaram uma onda de manifestações pelo país, incluindo a capital, Cairo.
Os protestos não se restringem aos militares, e muitas igrejas cristãs tem sido queimadas. Nos últimos dias, aproximadamente 40 foram saqueadas e destruídas por incêndios.
Escolas cristãs também tem se tornado alvo, de acordo com o Huffington Post. Em um dos casos, após incendiarem uma escola franciscana, três muçulmanos tomaram as freiras como “prisioneiras de guerra”, e as forçaram a acompanhá-los nas ruas, como se fossem troféus de uma guerra, até que uma mulher muçulmana interviu e as deu abrigo.
Outras duas mulheres que trabalhavam na escola foram abusadas sexualmente pelos ativistas no meio da multidão, nas ruas de Cairo.
A maioria dos cristãos no país são coptas, que tem sido atacados também em seus empreendimentos pessoais. A imprensa internacional revelou que casas e empresas de cristãos também tem sido atacadas, como forma de intimidação.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Valentes Também Choram!



O dicionário online wikipédia define o choro em sua fisiologia como: “O choro, pranto (choro em excesso) ou ato de chorar ou lacrimejar é um efeito fisiológico dos seres humanos que consiste na produção em grande quantidade de lágrimas dos olhos, geralmente quando estão em estado emocional alterado como em casos de medo, tristeza, depressão, dor, saudade, alegria exagerada, raiva, aflição, etc. O sistema límbico, sistema do cérebro responsável pelos sentimentos, associa um estímulo emotivo com aqueles que já temos guardados, gerando algumas respostas, sendo que uma delas é o choro. Depois disso, várias substâncias envolvidas no processamento das emoções, como noradrenalina e serotonina, e. g., são liberadas. Através do sistema nervoso independente (responsável por ações como piscar dos olhos) causarão a contração da glândula lacrimal, liberando a lágrima”.
Ainda continua explicando o processo fisiológico do choro: “Esses fenômenos neurológicos e endocrinológicos são relacionados ao instinto de defesa do ser humano. Pode-se dizer que há alguns tipos de choro: o resultante de algum tipo de emoção espontânea ou simulada e o intermitente ou persistente, que pode surgir sem motivo e indica uma possível doença como depressão, por exemplo”.
Todos nós choramos! E confesso que o choro tem sido quase uma rotina na minha vida, por diversos motivos. Alguns ruins e outros extremamente bons. Quem nunca se sentiu triste e chorou? Quem nunca se sentiu amargurado e chorou? Quem nunca se sentiu alegre e chorou de alegria? A bíblia está repleta de pessoas que choravam. Homens, mulheres, reis, rainha, governadores, sacerdotes e profetas choraram. Alguns constantemente e outros um pouco menos. O profeta Jeremias é conhecido por ser um profeta chorão. Jesus chorou por algumas vezes também e falar isso espanta muita gente..
Jesus chorou pois era homem como todos nós. Tinha sentimentos e sentia dor. Jesus era 100% homem e 100% Deus. Chorou no Getsemani e neste dia o seu choro foi tão intenso que o seu suor transformou-se em gotas de sangue devido ao seu grande sofrimento (Lucas 22:44). Chorou ao ver Lázaro morto e suas irmãs chorando (João 11). Chorou por Jerusalém que o rejeitou (Lucas 19:41).
Fato é que valentes choram. Só os mortos não choram mais! Então você valente, que tem chorado assim como eu, existe uma bem aventurança para aqueles que choram! (Mt 5:4)
O que não podemos é viver abatidos e amargurados porque o espírito firme irá te sustentar na doença e o abadito é insuportável (Proverbios 18:14)

Shalom
Gabriel Félix
www.gabrielfelix.com

Comunicado oficial da igreja do “Jesus cristo homem” diz que ele voltará a viver para reinar e governará as nações; Assista



A confirmação da morte de José Luis de Jesús Miranda, autointitulado “Jesus Cristo Homem” e líder da seita Crescendo em Graça, veio através de um vídeo divulgado pela denominação em seu canal no YouTube.
No comunicado, o bispo Martin Guio usa a passagem bíblica de Hebreus 9:27 e diz que “está estabelecido para os homens que morram, e disto ninguém escapa”, para explicar a morte de Miranda.
Na sequência, Guio cita Hebreus 1:12 para dizer que a morte não é definitiva: “No entanto tu és o mesmo, e teus anos não acabarão”, diz o bispo.
“Aí está falando de um. Porque Deus tomou o corpo de Jesus de Nazaré, que viveu 33 anos aqui na Terra. Chegou o momento, em que disse ‘A mim, não me verão mais’, porque seus dias terminaram. Morreu, mas ressuscitou [...] Tenho notícias para vocês, dos meios de comunicação, e para todos que nos sintonizam hoje em dia: o que voltou a viver, disse que seus dias não acabarão. Ele está para reinar, e governar, e logo vai trazer a mudança mundial às nações”, afirmou Martin Guio, ovacionado pelo público.
Miranda faleceu recentemente de complicações de uma cirrose hepática, pouco mais de um ano após anunciar que havia se transformado em imortal, e que após uma catástrofe mundial, governaria o mundo e conduziria a humanidade para um período de paz e bonança.
Antes do comunicado oficial, fiéis da denominação disseram à imprensa que seu líder retornaria em breve num corpo “radioativo e imortal” para ser “absorvido pela vida”.
Confira abaixo, o comunicado da seita Crescendo em Graça sobre a morte de José Luis de Jesús Miranda; O primeiro vídeo tem o áudio original, em espanhol, e o segundo, foi dublado para os seguidores de língua portuguesa:







Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.