Jovens cristãos são possuídos por demônios ao invocarem espíritos na brincadeira do copo; Assista




Três jovens foram possuídos por demônios ao invocarem espíritos de seus antepassados num jogo que no Brasil, é conhecido como “brincadeira do copo”. Os familiares dos jovens chamaram paramédicos para socorrê-los, mas pouco pôde ser feito.
O caso foi registrado em San Juan Tlacotenco, no México. Alexandra Huerta, 22 anos, Sergio Huerta, 23, e Fernando Cuevas, 18, rosnavam e diziam que iriam morrer quando os paramédicos chegaram. Um dos socorristas filmou o incidente.
“O resgate médico destes três jovens foi muito complicado”, disse Victor Demesa, diretor de segurança pública da cidade de Tepoztlán, vizinha a San Juan Tlacotenco. “Eles tinham movimentos involuntários e foi difícil transferi-los para o hospital mais próximo, porque eles estavam incontroláveis”, afirmou Demesa numa entrevista ao Daily Mail.
“Nós vamos morrer”, repetia a jovem, histericamente. Numa tentativa de contornar a situação, o paramédico que filmou a cena tentou acalmar Alexandra: “Você tem que ficar melhor, a sua família está esperando por você”. A resposta da jovem foi: “Eles vão morrer”.
Os responsáveis Alexandra e Fernando, que são órfãos, disseram que o padre da cidade se recusou a ir exorcizar os jovens “porque não eram fiéis regulares”. “Nós tentamos orar por eles e fazê-los orar também, mas isso só fez com que os demônios que a tinham tomado ficassem com raiva. Eu pensei que eles iam perder suas mentes. Há um monte de xamanismo nas colinas onde vivemos e eu estava apavorada quando vi o que a tábua de Ouija [brincadeira do copo] tinha feito com eles. Ela estava possuída por um espírito que queria machucá-la”, afirmou Maria Camano.
“Ela é uma menina cristã que nem sequer bebe álcool. Nós não deveríamos tê-la incentivado a tentar usar a magia negra para contatar os pais”, lamentou Maria, acrescentando que os três jovens consumiram uma planta alucinógena antes de invocar os espíritos de seus pais.
A solução, encontrada pelos paramédicos, foi sedá-los com analgésicos e medicamentos anti-estresse. “Se eles foram realmente possuídos, ou tinham simplesmente se convencido de que estavam possuídos, não era para os socorristas filmarem ou comentarem”, criticou Victor Demesa, ao ser questionado sobre o motivo de o vídeo ter sido publicado no YouTube.
O marido de Maria, José Camano, afirmou que pretende processar o paramédico que filmou a jovem no momento da possessão: “Eles esperavam que a droga abrisse suas mentes para os espíritos com quem tentaram entrar em contato. Mas nunca pensei que isso iria levá-los a serem possuídos. Estamos simplesmente felizes de tê-los em casa novamente. Ela está descansando após essa provação. Nós queremos ter certeza de que ela está segura, e queremos processar o paramédico que filmou Alexandra. Toda a família está a sofrer com o que aconteceu”.

Assista:





 


 Publicado por Tiago Chagas





 E não andeis após outros deuses para os servirdes, e para vos inclinardes diante deles, nem me provoqueis à ira com a obra de vossas mãos, para que não vos faça mal. Jeremias 25:6

Sorria, você está sendo provado Por Rodrigo Faria




“E assim abençoou o Senhor o último estado de Jó, mais do que o primeiro…”. 
Jó 42:12
Os insucessos de Jó, acompanhados de uma chuva de acusações de seus amigos, somados à fé titubeante de sua esposa (que chegou a sugerir que era hora de amaldiçoar a Deus), geralmente aparecem para anunciar que o momento mais indesejado pelos cristãos chegou – o momento em que a nossa fé deve ser provada.
Deus sempre levará o homem a mostrar e provar sua fé, pois é através dela que conseguimos alcançar os degraus mais altos de nosso edifício espiritual. Quanto maior a nossa fé, mais completos e confiantes estaremos para seguirmos firmes ao lado do Senhor.
Deus conhece o coração humano, aliás, Ele o vê como enganoso e perverso (Jer. 17:9), por isso usa o seu amor e poder para restaurá-lo antes de poder usar-nos. Muitas vezes, para realizar esse processo (restauração e transformação de nosso coração), é necessário levar-nos por alguns caminhos com o propósito de preparar-nos para recebermos algo melhor:
“Lembre-se de como o Senhor, o seu Deus, os conduziu por todo o caminho no deserto, durante estes quarenta anos, para humilhá-los e pô-los à prova, a fim de conhecer suas intenções, se iriam obedecer aos seus mandamentos ou não.”
Deuteronômio 8:2 (NVI)
Notemos que o deserto era usado como o agente revelador do coração dos israelitas. Apesar de sua onisciência, o Senhor fez questão de mostrar aos seus filhos os motivos pelos quais eles estavam sendo provados.
pô-los à prova, a fim de conhecer suas intenções…
Todos nós, ao menos uma vez na vida, já fizemos orações sinceras com intenções erradas. E por que não dizer que o coração humano (sem conhecer a Deus – e lamentavelmente alguns até mesmo conhecendo o Senhor) está cheio de intenções malignas, e quando consumadas leva o homem a desobedecer a Deus.
Não queremos atravessar desertos, passar por provas, parece impossível amar a Deus sem receber nada em troca, e não é para menos, estamos acostumados a ouvir discursos em nossas igrejas onde apresentam a Deus como um devedor, dando a ideia de que Ele sempre está em divida conosco, mesmo sabendo, que somos nós os devedores.
Depois de alguns anos, acabamos entendendo, que as provações são usadas como o combustível de nossa fé, não a fé barata que colocaram em promoção em muitos púlpitos evangélicos. Estou falando de uma fé inabalável, onde o primeiro templo é derrubado só para ressurgir com maior glória no segundo:
“A glória deste novo templo será maior do que a do antigo”, diz o Senhor dos Exércitos. “E neste lugar estabelecerei a paz”, declara o Senhor dos Exércitos.
Ageu 2:9 (NVI)
Note que com a construção do novo templo Deus estabeleceria a paz. Não fique preso a edifícios que já foram derrubados, com as ruínas do passado. Se Deus permitiu o colapso daquilo que você considerava a estrutura de sua vida, siga em frente, Ele tem coisas novas para realizar em sua vida.
O seu segundo estado será mais sublime que o primeiro, durante a provação lembre-se da oração do profeta Habacuque:
“Mesmo não florescendo a figueira, não havendo uvas nas videiras; mesmo falhando a safra de azeitonas, não havendo produção de alimento nas lavouras, nem ovelhas no curral nem bois nos estábulos, ainda assim eu exultarei no Senhor e me alegrarei no Deus da minha salvação.
O Senhor Soberano é a minha força; ele faz os meus pés como os do cervo; ele me habilita a andar em lugares altos…”.
Habacuque 3:17-19 (NVI)
Na próxima vez que passares pela prova, não temas, não te apavores, não te assustes, olhe para os céus e sorria, e não se esqueça: Deus só prova aqueles que Ele deseja aprovar.
Deus abençoe,
Pr. Rodrigo Faria

REFLEXÃO





Não te vingarás, nem guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o SENHOR.

Levítico 19:18

 

Pensamento: Guardar amargura e manter vivas mágoas nos consome. Deixa pouca energia para abençoar outros, louvar a Deus ou aproveitar a vida. A única maneira de curar um coração amargo em relação a outros é amando-os e servindo-os ativamente, em maneiras que abençoam as suas vidas. Se não conseguirmos fazer isso porque é difícil sentir que é a coisa certa para fazer, façamos, então, porque conhecemos a Deus e queremos agradá-Lo! 



Oração: Pai da luz, amor e misericórdia, por favor remova do meu coração qualquer cinismo ou gozo em ver outras pessoas caírem. Pelo contrário, ajude-me a ser um resgatador ao invés de um negligenciador. Quero que Sua graça seja vista nas minhas amizades. No nome de Jesus eu oro. Amém

DESENHOS ANIMADOS - ILLUMINATI






mensagens subliminar 2014, desenhos satânicos
mensagem subliminar em desenhos
DESENHOS ANIMADOS - Você Sabia?




Cristã sudanesa que escapou de pena de morte é presa novamente ao tentar sair do país com o marido





A cristã Meriam Ibrahim vem protagonizando uma história complexa e surpreendente, com sequentes prisões indevidas. A sudanesa foi presa novamente na última terça-feira, 24 de junho, junto com seu marido, Daniel Wani, no aeroporto internacional da capital do Sudão, Cartum, quando tentava sair do país.
De acordo com informações da Missão Portas Abertas, Meriam e Daniel foram detidos sem maiores explicações pelas autoridades do país. Um dia antes, ela havia sido solta pelo governo após a Corte de Apelações do Sudão anular a sentença de morte por enforcamento.
Meriam havia sido condenada à morte por apostasia ao islamismo depois que se casou com Daniel Wani, que é cristão. Em sua defesa, Meriam disse que apenas seu pai era muçulmano, mas ela havia sido criada com princípios cristãos, portanto, não poderia ser condenada por abandonar o islamismo já que nunca o havia praticado.
Os argumentos de Meriam e seus advogados não foram aceitos pelo poder judiciário do Sudão, que é regido pela lei islâmica sharia, e além da condenação à morte por ter “abandonado” a fé muçulmana, a cristã – que estava grávida à época da sentença – também foi condenada a 100 chibatadas por adultério, já que seu casamento com um cristão não era reconhecido pela lei.
A repercussão internacional do caso fez com que diversos países pressionassem o governo sudanês por respeito à liberdade religiosa. O resultado da pressão internacional foi a anulação da sentença de morte e sua libertação na última segunda-feira, 23 de junho.
Meriam e seu marido, Daniel, foram detidos no aeroporto por aproximadamente 40 agentes, porém, o governo decidiu liberá-los na sequência, após a notícia da prisão se espalhar rapidamente.
A porta-voz do Departamento de Estado do governo dos Estados Unidos se pronunciou sobre o caso e disse que o governo sudanês alegou que a detenção do casal foi apenas por questões burocráticas: “Eles ficaram presos temporariamente por algumas horas por causa de questionamentos acerca de sua documentação. O governo do Sudão afirmou aos Estados Unidos que Meriam e seu marido estavam a salvo”, disse Marie Harf.
No entanto, um membro da International Christian Concern (ICC) entrou em contato com um advogado de defesa do casal e obteve a informação de que, no momento da prisão, Meriam e Daniel haviam sido informados que estavam sendo detidos por uma questão de segurança nacional. O fato de o casal ter um visto para os Estados Unidos poderia ter atraído a atenção das autoridades, de acordo com informações do Charisma News.
Oficialmente, Abdullahi Alzareg, funcionário do Ministério de Relações Exteriores, informou à BBC que o casal foi detido porque Meriam portava documentos de emergência do Sudão do Sul com um visto americano. Já pessoas próximas afirmam que o casal foi acusado de fraude e só foi libertado após um amigo pagar a fiança, porém estariam agora proibidos de deixar o país.


 Publicado por Tiago Chagas em 25 de junho de 2014

Menina de três anos diz ter visto Jesus depois de quase morrer afogada em piscina





Uma menina de três anos de idade disse ter visto Jesus depois de quase morrer afogada ao entrar na piscina para tirar de lá seu gato de estimação.
O fato registrado em Gibson County, no estado norte-americano do Tennessee. Ella Kimbro contou aos pais que Jesus a trouxe de volta à vida quando ela se afogou na piscina inflável que havia sido montada para aliviar o calor do forte verão dos Estados Unidos.
O pai, Johnny Kimbro, contou à emissora WMC, afiliada da rede ABC, que tirou sua filha da piscina desesperado e achou que ela tinha morrido: “O que eu me lembro é de estar sobre a minha filha e tentar sentir seu pulso e constatar que não havia pulsação”, disse.
Quem deu falta da menina foi a mãe, Christy, que olhou para o local onde a piscina havia sido montada e não viu Ella. Ao correr na direção da piscina, a mãe viu o corpo da menina flutuando. “Ela estava azul, ela estava fria. Puxei-a para fora da piscina, mas ela não estava respirando”, relembra Christy. “Eu pensei que ela estava morta, quando vi pela primeira vez. Lembro-me de gritar ‘Oh meu Deus, ela está morta!’”, acrescenta Christy.
O pai diz ter conferido as pupilas da menina e notar que elas estavam dilatadas. Aflito, fez respiração boca a boca e massagem cardíaca em Ella por alguns minutos, quando a menina recuperou a consciência.
De imediato, os pais chamaram socorro, e Ella foi transferida para o Hospital Infantil de LeBonheur de helicóptero, e ficou sob observação por cinco dias. Quando finalmente teve alta, contou a experiência com Jesus.
“Ela disse que se afogou. Ela viu uma luz brilhante e um homem andando com ela, com cabelos longos. Minha irmã lhe mostrou uma foto em seu telefone e perguntou quem era (era uma imagem de Jesus). Ella disse que aquele era o homem que a salvou. Ela nunca tinha ouvido uma história sobre luzes brilhantes antes”, relatou a mãe.
Agora, totalmente recuperada, Ella agora estará sob constante vigilância dos pais para evitar novos acidentes: “Se você tem uma piscina, eu sugiro que você comece o treinamento respiração boca a boca e massagem cardíaca, porque foi isso o que ajudou a salvar a vida dela”, aconselha Christy.

Radicais islâmicos do Boko Haram sequestram mais 60 mulheres e meninas na Nigéria





O grupo extremista islâmico Boko Haram é suspeito de realizar mais um sequestro no nordeste da Nigéria. Segundo o Christian Headlines o grupo militante sequestrou 60 mulheres e meninas, e 31 meninos em aldeias da área.
O sequestro foi confirmado por testemunhas em Kummabza, e o ocorrido agrava ainda mais a situação do país, que atravessa grave crise social por conta dos ataques terroristas. Anteriormente, o Boko Haram já havia sequestrado 276 adolescentes numa escola da cidade de Chibok, em sua maioria cristãs. Líderes do grupo afirmaram ter convertido as estudantes ao islamismo e que iriam vendê-las como escravas.
Agora, o novo caso gera ainda mais criticas contra o governo nigeriano, que tem sido criticado por sua incapacidade de responder rapidamente aos casos de sequestro. Porém, apesar da confirmação de testemunhas, o governo nega que os sequestros ocorreram.
A primeira dama nigeriana, Patience Jonathan, afirmou recentemente que o rapto das estudantes em abril foi “um ardil elaborado para desacreditar o presidente Goodluck Jonathan” na eleição Fevereiro de 2015.

Governo anuncia prisão de comandante do Boko Haram

O novo caso de sequestro aconteceu poucos dias depois de o governo da Nigéria anunciar ter detido 485 membros do grupo, entre eles um “alto comandante” dos radicais. As forças de segurança nigerianas anunciaram que tinham o grupo quando um comboio de suspeitos de terrorismo no sul do estado de Abia.
A prisão dos militantes foi anunciada no fim da última semana, horas depois de um ataque matou pelo menos 21 jovens fãs de futebol que estavam assistindo a um jogo da Copa do Mundo pela televisão. Os fãs de futebol mortos – supostamente em sua maioria crianças e jovens jogadores de futebol – se estavam reunidos ao ar livre para assistir à partida entre Brasil e México pela da Copa do Mundo quando uma bomba explodiu no local.
O governo nigeriano está aconselhando as pessoas a evitarem se reunir em espaços públicos para assistir aos jogos da Copa do Mundo, temendo que ataques mais mortais possam vir a ocorrer..



 Por Dan Martins em 25 de junho de 2014

Especialista afirma que o islamismo e Maomé são a besta profetizada no Apocalipse; Entenda






O cumprimento de uma das profecias bíblicas do Apocalipse estaria diretamente ligada ao islamismo, diz o escritor e estudioso Michael D. Fortner, autor do livro The Beast and False Prophet Revealed (em tradução livre “A Besta e o Falso Profeta Revelado”), onde são apresentados os resultados de mais de 30 anos de pesquisa sobre as profecias bíblicas.



No texto de Fortner são apresentados argumentos que apontam o surgimento da besta e o falso profeta do livro de Apocalise como fruto do islamismo e de Maomé. De acordo com a revista eletrônica Charisma News, o livro afirma que quando a cabeça da besta tem uma ferida fatal, representa a morte do último império islâmico, o Império Otomano (turco), na Primeira Guerra Mundial, o que significaria que um outro império islâmico voltará à vida novamente para travar a jihad (“guerra santa”) no mundo .



O livro afirma que a segunda besta do Apocalipse é o islã, e os dois chifres representam as duas facções: sunitas e xiitas. O islã tem codificado, em seus ensinamentos, o assassinato, a mentira, a pilhagem, escravidão, estupro, guerra e até mesmo o terrorismo como parte de sua doutrina religiosa oficial.



“Jesus disse que o ladrão vem somente para roubar, matar e destruir, e isso é exatamente o que o Islã tem feito desde o seu início. Nenhuma outra religião se encaixa tão completamente a descrição na Bíblia da besta e falso profeta do islã”, diz o Charisma sobre o islamismo, no editorial que descreve o livro.



Fortner afirma que o “islamismo é diferente de todas as outras religiões que não acreditam em Jesus, porque declara oficialmente que Jesus não é o Filho de Deus (Alcorão 4:171; 18:4-5), tornando-se assim a definição bíblica do anticristo: ‘Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? Este é o anticristo, aquele que nega o Pai eo Filho’ (1 João 2:22).





Historicamente, a religião islâmica governou o segundo maior império da história, que se estendia do Oceano Atlântico até as fronteiras chinesas. Milhões de cristãos já foram martirizados pelos seguidores de Maomé, e ainda hoje, a perseguição se mantém no Egito, Iraque, Síria, Nigéria e Sudão, entre outros. A expansão da religião, que só cresce, “deixou um rastro de sangue, sofrimento e destruição como nenhuma outra ideologia na história mundial. A história, até a época atual, mostra-nos que o islã é uma religião muito violenta e fascista, cheia de ódio por cristãos e judeus. Ninguém poderia inventar um culto mais maligno”, afirma o autor.



“A Besta e o Falso Profeta Revelado” apresenta a história do islamismo como argumento de constatação do por que a religião é a besta do Apocalipse, que estaria “como um animal agarrando as bordas do abismo, tentando sair”. Fortner incluiu, os detalhes esclarecidos por ele em sua pesquisa, do capítulo 11 do livro de Daniel.



 Publicado por Tiago Chagas

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.